VidMonsters
Por VidMonsters

Sua marca deve investir em criadores de conteúdo do YouTube?

VidMonsters
Por VidMonsters

Quer consolidar sua marca ainda mais no mercado digital? Então não deixe de prestar atenção nos criadores de conteúdo em vídeo – os youtubers!

Com a ascensão dessa plataforma, que atualmente possui uma audiência 5% maior em relação a TV por assinatura, crescem também aqueles que produzem vídeos para a plataforma. Assim, o YouTube se consolida como um modelo de negócio favorável a divulgação de produtos e serviços.

Mas será que esses youtubers podem ajudar a sua marca a ganhar mais relevância na rede? É o que veremos neste artigo. Vamos nessa?

Mas como os criadores de conteúdo podem ajudar as marcas?

Segundo a pesquisa Video Viewers 2017, 42% da população assiste a vídeos pela internet, sendo 82 milhões adeptos a canais específicos do próprio YouTube. Desse modo, já podemos obter uma noção significativa do potencial que esses influencers exercem na sociedade.

Existem vários criadores de conteúdo conversando com o público almejado pelas marcas. Aproveitando-se do conteúdo segmentado, essas empresas fidelizam-se a esses influenciadores que passam a publicizar o conteúdo do produto ou serviço realizado pelo investidor.

Virtual Reality Vr GIF by Oculus

A capacidade de alcance que um youtuber não deve ser analisada somente pelo número de inscritos ou visualizações. Os youtubers já são realidade no mercado, pois estreitam laços entre o consumidor e o produto ou conteúdo produzido, onde o espectador é o próprio mediador daquilo que se quer assistir.

Além disso, produtores de conteúdo geralmente lançam vídeos em escala linear e podem ser acompanhados cotidianamente por seus seguidores, fortalecendo ainda mais um vínculo afetivo com o público.

Por tais motivos, esses influenciadores digitais já alcançaram o patamar de notoriedade pública dentro da cultura de celebridades ou na mídia em geral.

Por terem uma exposição muito mais próxima a sua audiência, são muitas vezes preteridos para campanhas publicitárias em relação a artistas consolidados de TV e cinema.

Como saber se minha marca deve investir em criadores de conteúdo?

Já vimos que os influenciadores digitais podem ser uma opção estratégica para as marcas e investidores. Resta saber se é válido para a sua empresa fazer esse tipo de investimento.

Por isso, vamos listar aqui algumas opções para que você verifique se esse investimento é possível.

1. Qual a sua meta?

Antes de definir se essa colaboração é viável, cabe a empresa avaliar quais as pretensões do negócio no mercado digital.

Se o objetivo principal for obter mais visualizações e mais seguidores no canal da empresa; é melhor investir em desenvolvimento de mídia e seus pacotes para alçar públicos maiores do que contratando um criador de conteúdo.

Importante frisar que influencers são mais utilizados para delinear relacionamentos do que para impulsionar publicações.

2. Quanto você pode investir?

Programar uma campanha com produtores de conteúdo não é tão simples como apenas acionar o produto no canal do influenciador.

Grande parte das colaborações envolve todo um aparato estratégico como, por exemplo, acionar outras mídias para que esse vínculo seja divulgado em diversos canais.

Portanto, investidores devem sempre se firmar em um orçamento compatível com o que a marca pode oferecer, recorrendo ao tradicional plano de marketing se possível.

3. Você se sente bem dando total liberdade para um youtuber criar conteúdo para sua marca?

Contratar um influencer não se faz da mesma maneira e objetividade quando se pensa uma campanha publicitária tradicional.

Geralmente isso acontece porque, ao contrário de um modelo de anúncio produzido por uma agência, o youtuber possui conteúdos alinhados em curto prazo.

Ou seja, é necessário para o investidor acompanhar aquele canal e saber interconectar o seu negócio de acordo com a temática produzida na página do produtor de conteúdo.

4. Quem será o responsável pelo conteúdo?

Como visto na segunda opção, é preciso pensar uma campanha estratégica na hora de firmar uma colaboração entre empresa e influenciador digital.

Isso se faz contactando uma equipe responsável para definir um eixo criativo onde o produto será inserido juntamente ao conteúdo do youtuber.

Mais uma vez, cabe a empresa verificar se detém recursos disponíveis para realizar tal feito.

5. Produção de conteúdo é uma estratégia essencial para sua marca?

Primeiramente, deve ser levado em conta pela empresa como essa parceria tende a funcionar buscando benefícios para o seu negócio.

É comum, por exemplo, obter êxito quando essa colaboração é ressaltada no início do vídeo produzido. Sua empresa deve estar sempre atenta a essas nuances.

6. E como será a transparência entre o criador de conteúdo e a marca?

O relacionamento entre empresa e o produtor de conteúdo precisa respeitar a normalização que versa sobre a publicidade no YouTube. Como também se faz necessário estabelecer uma conduta ética perante essa relação. Respeitando os usuários do influencer que também podem vir a ser clientes em potencial para o seu negócio.

Como trabalhar com criadores de conteúdo?

Para que você se inteire a respeito dessa parceria, listamos abaixo algumas dicas para que essa relação possa otimizar tanto a marca como o produtor de conteúdo.

1. Crie Confiança

Produtores de conteúdo sentem-se mais seguros quando a marca oferece a oportunidade de uma colaboração menos agressiva aos olhos da audiência.

Portanto, é preciso que os investidores e influenciador trabalhem essa colaboração da forma mais linear possível, para que o produto seja um assunto facilmente inserido no conteúdo do youtuber, sem tirá-lo da linguagem que a audiência está acostumada a presenciar.

2. Encontre o criador de conteúdo certo para sua marca.

Na hora de optar por um influenciador digital para representar a sua marca, evite imediatismos.

É preciso ter discernimento para separar aquele produtor de conteúdo que você acompanha, do influenciador que pode ser melhor para o seu modelo de negócio, levando em consideração semelhantes ideais e valores que sua marca compactuam.

Além disso, compete a marca analisar se determinado influenciador produz um conteúdo relevante para a empresa.

Fatores como o número de acessos por vídeo, inscrições no canal do youtuber, engajamento com a audiência e qualidade do material produzido deve ser levado em conta ao buscar um representante.

Também merece conhecimento por parte do investidor a custeabilidade da parceria. Se as aquisições desse criador de conteúdo são compatíveis com orçamento da empresa e se a potencialidade dessa colaboração poder ser explorada em outras mídias.

Por fim, resta a marca analisar se o conteúdo publicado pelo influenciador transmite segurança ao público e se este material se relaciona adequadamente aos valores da empresa.

Etapas de uma parceria

1. Se conecte

É a fase de pré-produção da colaboração. Onde acontece o primeiro contato com o produtor de conteúdo escolhido, já apresentando-lhe um briefing inicial.

A partir daí a marca já obtém informações sobre o plano orçamentário do influenciador, programação para inserção da marca, ação promocional, calendário de atividades, dentre outros planejamentos.

2. Conceito

Nessa etapa, a equipe criativa da marca e o influencer definirão juntos uma forma de trabalhar o produto ou serviço em questão a partir de um conceito que beneficiará ambas as partes, que terá como resultado um bom material apresentável ao público.

3. Produção

autonomia de produzir o conteúdo fica a cargo do youtuber que já está acostumado a conhecer a forma de dialogar com seu público.

Algum membro da sua equipe pode acompanhar as gravações. Podem ser feitas intervenções no cenário, decisões que serão acertadas juntamente ao criador de conteúdo.

4. Avaliação Final

Cabe a equipe de marketing da empresa fazer um exame final do conteúdo produzido.

Por fim, é só lançar!

Entendeu a importância de usar criadores de conteúdo para influenciar o público? Então clique aqui e confira as 5 dicas que a gente te dá para investir em publicidade de vídeos online no YouTube.