VidMonsters
Por VidMonsters

Como encontrar afiliados perfeitos para vender o seu produto

VidMonsters
Por VidMonsters

Você tem um produto, precisa vender mais, em menos tempo e gastando pouco, mas não consegue encontrar afiliados para te ajudar a fazer isso? É hora de rever sua estratégia e adotar algumas boas (e simples) práticas que farão toda a diferença.

Mas primeiro, se o termo afiliados não é algo que você reconhece, sugerimos a leitura do nosso post sobre o que é e como ganhar dinheiro trabalhando com afiliados.

Mas vamos lá. Afinal, o que são, como vivem e como encontrar afiliados? Não, você não precisa assistir ao Globo Repórter para isso, é só ficar aqui e continuar sua leitura.

Quais são as vantagens de atrair afiliados para o seu negócio?

É bom ter tempo para fazer o que a gente gosta, não é? Então, atrair afiliados para o seu negócio é, sem dúvida, uma forma de conseguir esse tempo. E ainda ter a tranquilidade de saber que as vendas do seu produto seguem a todo vapor.

O afiliado ficará responsável por promover sua mercadoria por meio de anúncios, blog, site, landing page, redes sociais, enfim, de várias formas diferentes.

Ele cuidará desse trabalho e você não precisará se ocupar com a divulgação, promoção de links, acompanhamento e performance de vendas online.

1. Afiliados são orientados a resultados

Sim, uma parceria entre produtor e afiliado, normalmente, é baseada na performance, no desempenho das vendas e apresenta baixo risco. O que acontece de fato é que os afiliados querem o resultado e o perseguem, já que ele ganha muito quando você ganha ainda mais.

Ou seja, o sucesso do seu produto é o sucesso financeiro do afiliado.

2. Portas abertas para novas parcerias

O que começa como uma parceria entre produtor e afiliado pode evoluir e ser muito mais rentável, como uma parceria de co-marketing. Ou seja, duas ou mais empresas compartilhando conteúdos em seus canais e contribuindo para o crescimento uma da outra.

Isso é um verdadeiro trampolim para apresentar o que você tem a oferecer para um público que quer e que vai consumir isso de você, mas que pode não fazia ideia da sua existência até esse momento.

E o resultado? Lucros maiores, branding para sua empresa ou produto e novos mercados a explorar.

3. Ganhos passivos e com baixo custo de manutenção

Quem não quer uma renda passiva e recorrente na vida? Pois essa é outra das grandes vantagens em encontrar afiliados para o seu produto ou negócio.

Enquanto seu afiliado se ocupa em atrair novos clientes por você, sua empresa só precisa garantir que essas pessoas sejam bem recebidas para que se tornem consumidores recorrentes. Fidelizar clientes é fundamental.

E aqui vai uma boa dica: compartilhe os materiais de divulgação do seu produto (posts, materiais de marketing em geral) para o seu afiliado divulgar.

Além de estar alinhado com a sua comunicação, ele pode te passar vários insights e feedbacks sobre os tipos que performaram melhor. Com isso, as suas estratégias de venda e comunicação serão cada vez mais efetivas.

Como encontrar afiliados para o meu produto?

Por mais vantajoso que seja contar com afiliados para o seu negócio, atrair bons afiliados pode dar trabalho. E mesmo depois de encontrá-los, ainda precisa acompanhá-los para que tenham sucesso vendendo seu produto.

Mas calma, a gente fez uma pesquisa bem aprofundada para te ajudar e seguindo essas dicas e boas práticas para encontrar afiliados, não tem erro!

1. Capriche e crie um infoproduto de qualidade

Parece óbvio, né? E é mesmo. Mas tem gente que se esquece disso. Nenhum afiliado sério vai investir tempo e energia em um infoproduto que não dê retorno, que não valha a pena pela pouca qualidade que ele tem.

Você precisa conhecer bem o público a quem seu infoproduto se destina, as suas dores e o principal: como seu infoproduto ajuda a resolver essa dor.

Além de conhecer sua audiência, estude esse mercado e também seus concorrentes: como eles se comunicam, o que estão fazendo, estão tendo sucesso? Isso fará TODA a diferença.

Lembre-se disso, os afiliados que performam melhor QUEREM produtos mais aderentes, com maior poder de conversão. Querem investir naqueles que têm maior margem de retorno e a qualidade diz muito sobre isso.

A regra é clara: para ter os melhores afiliados tenha os melhores produtos.

2. Descreva de forma detalhada o produto

Parte do sucesso é saber e descrever exatamente o que seu produto é (e nas entrelinhas o que não é), o que ele faz e para quem ele se destina. Essas informações precisam chegar ao seu afiliado e é seu dever registrá-las para ele, seja por e-mail ou em alguma plataforma de afiliação.

Basicamente, você precisa dizer:

  • O que é?
  • Para quem é?
  • Que dores desse público ele trata?
  • O que o diferencia dos concorrentes?
  • Por que o seu público escolheria esse produto e não o do concorrente?

O detalhe nessa hora pode ser a diferença entre milhões em venda e voltar para a mesa de planejamento. Não tenha preguiça, tenha propriedade, conheça seu produto e seu público.

3. Crie uma landing page atrativa

Se você não sabe do que estamos falando aqui, sugiro ler esse texto super completo que fizemos sobre landing pages. Mas de forma bem resumida, pense em uma landing page como a porta de entrada para pessoas que vão se tornar seus clientes.

Ela responde a tudo o que importa para que a venda aconteça agora ou em breve.

É nela que devemos encontrar todas as informações relevantes do produto: o que é, o que faz, para quem é, que dores trata, quais os argumentos de venda, as objeções quebradas e depoimentos de quem comprou. E, claro, não se esqueça do astro principal: o CTA (Call to action) para finalizar a compra.

A landing page precisa ser primorosa. Capriche no design, na fonte, na usabilidade e nas informações selecionadas. Faça dela a mais bela, objetiva e bem estruturada passagem entre quem chegou lá e o cliente que você quer que ele se torne.

4. Aposte em conteúdo para mostrar valor

Quanto melhor e com mais informações o seu conteúdo tiver sobre seu produto, maior será o interesse do afiliado em se afiliar a você. Sem falar que isso se transforma em argumento de venda para ele promover seu produto.

Blogposts, vídeos, infográficos e redes sociais (as que de fato dialogam com seu público) são ótimos canais de informação para os afiliados. Quanto mais relevante for o conteúdo, maiores as chances de encontrar afiliados interessados em uma parceria com você.

Lembre-se: conteúdo relevante para o público certo nos canais de divulgação certos.

5. Deixe claro o que você espera do afiliado

Dialogar é tudo. Uma vez que você esteja pronto para firmar sua parceria com um afiliado, vocês precisam conversar. É importante alinhar as expectativas, prazos e tudo o mais. Ele quer uma excelente comissão enquanto você quer o seu lucro. E dá para ter os dois.

Clareza é a palavra de ordem nessa relação, de mãos dadas com a ética e transparência, claro. Vocês precisam chegar a um acordo vantajoso para as duas partes em relação ao que esperar dessa parceria, imaginando diversos cenários. Desde os mais positivos aos mais adversos.

Um cuidado como esse garante bem mais que bons números para um produto específico, pode garantir uma parceria com bons frutos para vários produtos e por anos a fio.

6. Mapeie grupos e fóruns com potenciais afiliados

Quer bons parceiros afiliados para o seu negócio?

Uma boa forma de fazer isso é simplesmente interagir em fóruns de discussão ou em grupos no Facebook sobre esse tema. Há muita gente sempre atenta participando, postando ou comentando nesses espaços.

Eles estão ali, cheios de ideias e expectativas procurando um produto para se afiliar. E esse produto pode ser o seu.

7. Ofereça uma boa comissão

Quando falamos em comissão, em valores, é preciso ser justo e preciso. Devemos lembrar que cada produto possui um custo médio de vendas para o afiliado. Alguns tem custo baixo e de rápido retorno sobre o investimento. Mas há outros em que o custo é desconhecido e só os testes irão revelar o caminho e o investimento certos.

De forma bem clara, a comissão que você oferece precisa cobrir os custos de venda e ainda ter uma margem de lucro para o divulgador. Se isso não acontecer, pode ter certeza que os afiliados não vão querer trabalhar com você.

Vale o bom senso, o diálogo e o mais importante, a formalização de tudo isso entre as partes. Sendo justos e sensatos, todo mundo ganha!

8. Crie materiais exclusivos para os afiliados divulgarem o produto

Lembra quando falamos sobre compartilhar seus materiais de marketing com os afiliados, para que eles divulguem? Pois é. Vale a pena, inclusive, contar com o feedback deles para produzir algumas peças exclusivas que você fará para ajudá-los a divulgar melhor seus produtos.

Você pode, por exemplo, criar banners e imagens para edição que facilitem o trabalho do afiliado. Ou até criar uma página de vendas que atenda a uma necessidade deles para aumentar seus resultados. Conversar com eles e ter feedbacks vai fazer toda a diferença.

9. Habilite ferramentas para ajudar os afiliados

Uma plataforma online como a Hotmart apresenta algumas ferramentas que são muito úteis para que os afiliados conquistam um grande resultado em vendas.

Uma delas é a Entrega Automática de Bônus, um sistema para entregar arquivos ou sites junto ao produto que está sendo divulgado, tudo sob a responsabilidade da Hotmart, ela mesma faz essa entrega do bônus prometido no lugar do afiliado

O uso do Hotleads nas páginas de captura de e-mails do seu produto também é outro recurso fantástico. Através dele, um lead gerado pelo Afiliado é marcado e, caso ele compre o seu produto, a Hotmart identifica também pelo email o responsável pela venda.

São só dois exemplos de ótimas ferramentas, facilitadoras e agilizadoras de processos. E tudo o que você precisa fazer para que seu afiliado possa utilizá-las é habilitá-las.

10. Mantenha contato direto com seus afiliados

“Quem não se comunica, se trumbica”, já dizia Chacrinha, o “Velho Guerreiro”. Ok, a referência pode ser das antigas, mas o conteúdo dela é bem atual.

Você tem com seu afiliado uma relação de negócios e nenhum negócio se sustenta e cresce sem comunicação clara e fluída. Ouvir e ser ouvido por ele é construir uma ponte para resultados melhores, maior produtividade, menor custo…

Reuniões por skype, encontros presenciais, e-mails, vale tudo de acordo com o que você e seu afiliado estabelecerem. Seu afiliado quer (e precisa) ser ouvido.

Se sua empresa trabalha com muitos afiliados, vale a pena pensar em um Gerente de Afiliados. Esse é o profissional que cuidará desse contato, das reuniões, resultados e de prover recursos para que o trabalho ocorra bem e no menor tempo possível.

Conclusão

Se você possui um infoproduto, acredita nele e só precisa de um parceiro para te ajudar a impulsionar as vendas e otimizar os custos nesse processo, vale a pena investir em um bom afiliado.

Seguindo essas dicas você não só vai encontrar afiliados para o seu produto ou negócio, mas construirá uma ótima reputação entre eles. E nesse caso pode ser que você tenha que lidar com uma “dor de cabeça” bem mais gostosa:

Escolher o melhor afiliado para você entre tantos que querem (muito) trabalhar com você.