Loading Posts...

Digite seu e-mail para ler o artigo completo.

Compartilharemos este artigo com você.

Seu endereço de e-mail é 100% seguro contra spam! Powered by ConvertKit

Se quiser aprender a construir sua estratégia de vídeo marketing, chegou no lugar certo! Da definição dos objetivos ao cálculo do ROI, neste post quero te orientar sobre TUDO que você precisa saber para ter sucesso com vídeos. Vamos lá?

Os vídeos estão mudando a forma de consumo de conteúdo na internet.

Com certeza, essa informação não é novidade para você. Mais de 3 bilhões de horas em vídeo são assistidas todo mês no Youtube, o segundo buscador mais acessado do mundo.

De acordo com Nicola Mendelsohn, vice presidente da rede Facebook, em 5 anos ‘’o Facebook provavelmente será todo em vídeos’’. E complementa, ‘’ é o melhor jeito de contar histórias no mundo’’.

Exagero? Nem tanto. Atualmente a rede acumula mais de 100 milhões de horas em vídeos assistidas todo o mês. E seu fundador, o nerd de Harvard, Mark Zuckerberg, tem investido alguns milhares de dólares nesta aposta.

Todas as suas redes além do Facebook (Instagram e até mesmo o Whatsapp) já contam com o recurso de ‘’Stories’’. São os pequenos vídeos que contam o dia a dia dos usuários e possibilitam que as marcas façam propagandas mais interativas com seu público.

A sua empresa não pode ficar de fora dessa estratégia. De acordo com um recente relatório da Hubspot, 54% dos consumidores querem ver vídeos de marcas as quais eles têm interesse em consumir.

Se somarmos esses dados ao fato de que hoje 90% de toda jornada de compra começa na Internet, não vamos perder mais tempo.

Então, vem comigo para entender melhor sobre vídeo marketing e aprender a criar uma estratégia de sucesso.

Benefícios do vídeo marketing

1. Facilita o envolvimento e conexão entre cliente e empresa

O vídeo marketing facilita e muito o envolvimento e conexão entre cliente e empresa por tratar-se de um conteúdo dinâmico.

Com essa característica, você consegue produzir um material muito mais atraente. E tal poder atrativo é evidenciado por meio da possibilidade de troca de emoções com quem está assistindo ao vídeo da sua organização. E isso torna a comunicação com sua persona muito mais íntima e interativa.

2. Destaca sua empresa diante da concorrência

O vídeo marketing é uma excelente maneira de destacar a sua empresa diante da concorrência. E essa vantagem competitiva é válida para organizações de qualquer porte (pequeno, médio e grande). Ou seja, não há desculpas para não adotar essa tendência.

O importante é que entenda que esse é o momento de investir nos benefícios do vídeo marketing para conseguir um lugar ao sol no mercado. Até porque, hoje em dia, muitas empresas já usam vídeo marketing como estratégia e você não pode ficar fora dessa. Abuse dos recursos audiovisuais e o poder que eles têm de, realmente, chamar a atenção dos clientes.

3. Gera mais engajamento para sua marca

Com um conteúdo mais envolvente e atrativo como o vídeo marketing proporciona, o esperado é que seu público interaja mais. Pois, a percepção do cliente ao assistir uma demonstração do produto ou uma pessoa “de verdade” dialogando com ele por meio do vídeo marketing, é outra. Dessa forma, ocorre a criação de uma proximidade muito positiva.

Devido a esse maior envolvimento com a realidade, o vídeo marketing gera uma confiança e engajamento também superior. Além disso, leve em consideração que as postagens em vídeo têm um número bem maior de compartilhamentos e interações do que textos nas mídias sociais, por exemplo. Isso porque são bem mais interessantes e até emocionantes que os textos.

4. Proporciona o efeito de viralização

Como já sabe, quando um conteúdo viraliza, você consegue um alcance enorme e sem precisar gastar uma fortuna. Não é mesmo? E o vídeo marketing tem o poder de proporcionar esse desejado efeito dentro da sua estratégia de marketing digital.

O audiovisual torna a viralização muito mais possível e frequente, uma vez que seu formato facilita a produção de conteúdos diversificados.

Happy Social Media GIF by Yevbel

O vídeo marketing pode ser comemorativo, comercial, engraçado, emocionante, reflexivo, questionador, informativo, etc. Basta você saber produzir o vídeo marketing mais adequado e de qualidade para a sua empresa. Assim, consequentemente, irá conquistar um maior alcance orgânico.

5. Aumenta o número de conversões

Já que os benefícios do vídeo marketing englobam muitas vantagens de atração, conforme já vimos anteriormente, é importante citar que ele também aumenta o número de conversões. E, com a concorrência cada vez mais feroz, é necessário que sua empresa atue com foco em resultados.

A produção de vídeo marketing consegue lhe proporcionar um ótimo aumento das conversões para sua marca. Tanto que, segundo dados da Aberdeen Group:

  • 4.8% é a média de conversão em lojas virtuais que usam vídeos nos seus anúncios;
  • Visitantes que veem vídeos são 85% mais propensos a comprar o produto anunciado;
  • As chances de abertura de um e-mail marketing ao utilizar a palavra vídeo no assunto aumentam de 7% para 13%.

6. Constrói uma comunicação mais eficiente

Levantamento da Diode Digital aponta que 60% de todos os visitantes de um site sempre irão priorizar assistir a um vídeo no lugar de ler um texto. E esse dado prova o tão quanto os benefícios do vídeo marketing constroem uma comunicação mais eficiente.

Os vídeos são muito simples de entender, pois não exigem que seu cliente faça grandes esforços para assistir. Assim como, são mais atraentes, dinâmicos, envolventes e claros, além de traduzirem uma realidade mais palpável. Com isso, já são os verdadeiros ‘queridinhos’ dos adeptos do meio digital.

7. Possibilita melhor ROI

Pesquisa da Adobe diz que 52% dos profissionais de marketing do mundo afirmam que o vídeo é o tipo de conteúdo com melhor ROI. Ou seja, é o formato que mais dá para calcular o retorno sobre o investimento realizado na estratégia de marketing digital por parte de uma organização.

E esse ROI de resultado focado em quantas conversões o vídeo marketing produzido e divulgado na web gerou é muito importante. Pois, é ele que revela exatamente quanto do seu investimento com o material audiovisual já está voltando para seu bolso.

8. Adapta a qualquer dispositivo

Por fim, o vídeo marketing ainda tem a grande vantagem de ser responsivo por natureza. Ou seja, pode ser assistido pelo seu cliente por meio de computadores até smartphones e/ou tablets.  E isso facilita e muito todas os benefícios do vídeo marketing já mencionados acima.

Passo a passo: criação de uma estratégia de vídeo marketing

Marketing de conteúdo tem sido, sem dúvida, a palavra-chave quando o assunto é marketing digital. Em resumo, marketing de conteúdo é a estratégia que propõe atrair, converter, engajar e fechar novas oportunidades de negócio para sua empresa.

Mas e quanto ao marketing de conteúdo em vídeos, ou melhor, estratégia de vídeo marketing? Ele envolve os mesmo princípios, porém, aplicados à produção de vídeos. Mas o que isso quer dizer?

Não basta começar a gravar vídeos e disponibilizar na internet. Se você busca resultados, você precisa de uma estratégia sólida para direcionar seus esforços.

Vamos analisar mais de perto os 6 passos-chave dessa estratégia:

1. Defina um objetivo (ou vários, mas defina)

Toda boa estratégia começa com um objetivo e a decisão de incluir vídeos em sua estratégia digital também deve iniciar assim.

Qual seu objetivo principal? Engajar? Educar? Converter? São inúmeras possibilidades, por isso é importante definir qual vai ser o seu foco e o que você estima de retorno com essas ações.

2. Definição de KPIs

Definidos os objetivos, você precisará definir os KPIs, que são os indicadores-chave. Eles vão te mostrar se sua estratégia está performando ou não. Ficou confuso? Vou te dar um exemplo prático!

Vamos supor que seu objetivo com uma estratégia de vídeo marketing seja a geração de leads. Então, o número de pessoas que curtiram seu conteúdo e o número de subscribers que você consegue gerar, são indicadores claros de que sua estratégia está no caminho certo para gerar cada vez mais leads.

Uma dica importante nesse aspecto é lembrar que objetivos precisam ser tangíveis e indicadores precisam ser passíveis de serem medidos.

3. Faça um minucioso review sobre sua marca e seu produto

Uma boa estratégia de vídeo marketing deve começar com uma análise sincera da sua marca e do seu produto. O que os torna diferentes? Quais são seus principais diferenciais frente aos seus concorrentes? O que fará com que sua audiência te adore?

Liste os elementos mais importantes que irão impactar de forma positiva a percepção da sua audiência frente ao seu negócio, analise exatamente o que eles querem ver.

Dê uma olhada em algumas empresas que fizeram isso muito bem:

Zee Dog

Você já deve ter ouvido falar que o mercado pet rende alguns milhares de dólares/ano no Brasil. Agora me diga: você já associou coleiras de animais de estimação a estilo de vida?

É exatamente isso que a Zee Dog trabalha em vídeo marketing, e diariamente nas redes sociais. Os acessórios para seus pets não são mais simples guias. São ítens que ditam um estilo do seu companheiro e também o seu.

Dá só uma olhada!

Brastemp

Se eu te contar que o slogan ‘’Não é nenhuma Brastemp mas…’’ é de 1991, você vai acreditar?

O comercial na TV que a empresa fez naquela época dá o que falar até hoje. Em um mercado extremamente competitivo, eles analisaram o que os tornava diferente – uma marca de nome forte. E fizeram vários comerciais muito bem humorados caindo no gosto de todos os brasileiros.

A campanha funcionou tão bem que 26 anos depois fizeram inclusive uma releitura:

RedBull

‘’Bebo Red Bull 30 minutos antes de cada corrida, quando conduzo e quando fico cansada. Red Bull Energy Drink me oferece aquela concentração adicional que preciso!” é o depoimento da esquiadora profissional americana, Lindsey Vonn, patrocinada pela marca.

A famosa bebida energética tem em sua composição a mesma quantidade de cafeína que uma xícara de café. Então, o que te faz pensar que é melhor beber Red Bull a um bom expresso?

A resposta está na aposta da empresa. A Red Bull sempre publicou vídeos relacionados a atividades esportivas radicais, como a que Lindsey pratica. Mais que isso, a estratégia de vídeo marketing da Red Bull aposta em conteúdos que mostram saúde e superação. Veja só:

4. Conheça muito bem sua audiência

Responda às seguintes perguntas:

  • Quais canais o seu cliente ideal já acompanha?
  • Quando e em que aparelho ele consome vídeos?
  • Quais os formatos de vídeo ele mais consome?
  • Ele tem pouco ou muito tempo disponível para assistir os vídeos?
  • Como ele irá usar seus vídeos?

Você precisa responder de forma assertiva a essas perguntas para acertar nos formatos ideais de vídeo. O melhor caminho para não errar é trabalhar com o conceito de persona.

Persona é a representação fictícia do seu cliente ideal. Um conjunto de características detalhadas que englobam: objetivos, desafios, desejos, medos, motivações, etc.

Com base em informações mais detalhadas do seu cliente ideal, é possível passar para o próximo passo da estratégia de vídeo marketing.

5. Avalie seu mercado e sua concorrência

Vamos dividir esse tópico em duas análises. A primeira é a análise dos seus principais concorrentes. Não deixe de observar os seguinte fatores:

  • Eles já fazem uma estratégia de vídeo marketing?
  • Quais tipos de vídeo eles estão construindo?
  • Quais os formatos de vídeo do seu concorrente tem maior audiência e engajamento?
  • Qual conteúdo em vídeo que seu concorrente produz engaja mais a audiência?

A partir dessas considerações você não irá precisar reinventar a roda. Some esses ingredientes às singularidades do seu negócio que você já separou. Aí está a receita do sucesso!

6. Posicione-se de forma estratégica

Além do que pontuamos acima, queremos garantir para a sua empresa o chamado ‘’pulo do gato’’. Avalie seu mercado, estude formatos de conteúdo em vídeo que ainda não estão sendo produzidos ou bem aproveitados.

Quer uma boa dica? Fique de olho no que sua persona comenta nos vídeos dos seus concorrentes. Quais informações elas não estão encontrando? Quais vídeos ela está pedindo para ele produzir? Não deixe essas lacunas passarem em branco.  

Planejando sua estratégia de vídeo marketing dentro do funil

O primeiro passo dessa etapa é desenhar a jornada de compra da sua persona.

A jornada de compra é o conjunto de quatro diferentes etapas que vão identificar o momento em que seu possível comprador se encontra.

Sua representação é dada através do funil de marketing. Quanto mais fundo sua persona for em relação à necessidade de adquirir sua marca, mais próxima da compra ela estará.

E o papel da sua estratégia de vídeo marketing é exatamente este: atrair sua persona fazendo com que ela percorra sua jornada de compra até o fundo do funil.

As etapas da jornada de compra são:

Aprendizado e descoberta

Nesta etapa do funil muito provavelmente seu cliente ideal ainda não conhece sua marca. Mesmo que conheça, ela ainda não sabe exatamente que tem um problema.

Seu objetivo aqui é oferecer algum conteúdo que faça parte do universo da sua persona e a atraia para o seu universo, fazendo-a perceber que ela pode ter um problema ou, quem sabe, perdendo dinheiro.

São excelentes formatos de vídeo marketing para essa fase:

  • Webinars
  • Vídeos explicativos
  • Vídeos publicitários
  • Vídeo Q&A (perguntas e respostas)
  • Vídeos virais

Reconhecimento de um problema

Se você fez um bom trabalho na etapa anterior, muito provavelmente você gerou subscribers ou leads. Eles estão pesquisando mais sobre seu problema.

Seu papel é nutrí-los de informações úteis e relevantes que o ajude a caminhar para a fase de consideração.

São excelentes formatos de vídeo marketing para essa fase:

  • Webinars
  • Entrevistas
  • Vídeos explicativos
  • Vlogs
  • Vídeo Q&A (perguntas e respostas)

Consideração de solução do problema

Aqui sua persona já deve estar mais do que educada sobre seu problema e está pesquisando formas de solucioná-lo. Ninguém melhor que você para ajudá-la, não é mesmo?

Sugira algumas formas que vão ajudá-la a solucionar o problema que ela enfrenta.

São excelentes formatos de vídeo marketing para essa fase:

  • Vídeos tutoriais
  • Vídeos DIY
  • Entrevistas
  • Vídeo de apresentação de produto
  • Vídeos de resenhas explicativas

Avaliação e compra

Voia la! Sua persona tomou a decisão de escolher um fornecedor de produto ou serviço que a ajude a otimizar o trabalho e economizar alguns milhares de reais e/ou tempo.

Aqui ela irá buscar entender funcionalidades, avaliará investimento, irá procurar cases, testemunhos e até mesmo materiais para apresentar para colegas e superiores. Só assim ele irá conseguir dar o passo final para resolver seu problema.

Não a deixe na mão e nem guarde segredos. Se tem uma coisa que aprendi nos últimos anos em que trabalhei com marketing e vendas é que: pessoas não compram com dúvidas.

De acordo com Marcus Sheridan, fundador da The Sales Lion, hoje em dia o que mais espanta as pessoas de avaliarem uma solução é mistério demais quanto ao orçamento.

Enrolar muito para falar sobre valores pode transparecer um custo mais alto do que na verdade é. E se por acaso seu produto realmente for caro demais para esse potencial cliente, na verdade ele quem não era fit para você.

São excelentes formatos de vídeo marketing para essa fase:

  • Vídeo case
  • FAQ Vídeo
  • Vídeos institucionais
  • Vídeos corporativos
  • Vídeo de apresentação de produto
  • Vídeos de resenhas explicativas

Divulgação da estratégia de vídeo marketing

Hoje em dia, de executivos a jovens, todos estamos integrados em alguma rede social.

Por isso esse passo é tão importante para acelerar o sucesso da sua estratégia. Compartilhe periodicamente todo seu conteúdo.

Dica de ouro: fique atento às redes sociais que sua persona se encontra. Se você conversa com gestores de grandes empresas, certamente a melhor rede social para você apostar é o linkedin, já se sua persona é jovem e descolada, aposte em redes como o Tumblr.


Mensuração dos resultados e ajustes necessários

Uma estratégia de vídeo marketing só é bem sucedida se você consegue medir seus resultados, sejam eles positivos ou negativos. Só assim é possível analisar todo o retorno sobre o investimento e, claro, dar um up nas partes que não foram bem sucedidas.

Existem métricas bem específicas que você precisa prestar atenção se quiser ter sucesso. Como já conversamos anteriormente, tudo vai depender do seu objetivo e da sua definição de KPIs

Vamos analisar uma a uma?

Métricas que devem ser acompanhadas em uma estratégia de vídeo marketing

Curtidas:

Os famosos ‘’likes’’ nos contam se nossa audiência gostou ou não do conteúdo exibido. Mas por que temos que tomar cuidado com uma métrica tão óbvia?

Hoje em dia, os algoritmos das redes sociais e do próprio Youtube estão cada vez mais inteligentes. Eles buscam entregar sempre a melhor experiência para o usuário, ou nesse caso, para o expectador.

Toda vez que curtimos um conteúdo não só contamos para a empresa ou pessoa por trás do vídeo que gostamos do que vimos. Contamos também aos algoritmos. Que farão com que mais e mais conteúdos similares àquele e até da mesma empresa ou pessoa, voltem a aparecer para nós.

Não é coincidência quando você começa a buscar por algo no Google e em fração de segundos sua busca te ‘’persegue’’ em todos os lugares.

Se você quer se tornar cada vez mais presente na vida dos seus potenciais clientes, preocupe-se em fazer conteúdos que ganhem muitos likes.

Mas, afinal, o que impacta nesse métrica?

Bom, tudo vai depender da proposta do vídeo. Se você fizer, por exemplo, um tutorial de ‘’como usar’’, preocupe-se com uma boa luz, aproxime a câmera se o produto for pequeno e seja bem específico ao descrever o passo-a-passo. Não tenha pressa.

Já se a proposta for fazer um vídeo que conta a história da sua marca, por exemplo, seja claro e aplique a técnica de storytelling.

Seguindo essas dicas com certeza você terá muitas curtidas e seus próximos conteúdos serão indicados pelos próprios algoritmos para sua audiência.

Compartilhamento:

Essa métrica é de suma importância. Isso  porque nós, em geral, tendemos a confiar mais nos nossos amigos do que em desconhecidos tentando nos vender um produto ou uma ideia, certo?

Imagina se eu compartilho seu video na minha rede de mais de 1000 conexões no Facebook e outro amigo meu compartilha novamente na rede dele?

A indicação é uma arma poderosa na hora da venda. Se você não acredita, dá uma espiada em como a VitaForma conquistou mais de 100 novos clientes em um único mês apenas com o marketing de indicação (famoso boca a boca).

Conteúdos propensos a serem compartilhados são aqueles que a audiência sente que pode ajudar seus amigos e outras pessoas de alguma forma.

Por exemplo, se você está buscando emagrecer e assiste um excelente vídeo falando sobre saúde e alimentação, certamente você irá compartilhar este conteúdo com seus amigos que também estão passando por um processo parecido.

A dica aqui é: faça um conteúdo pensando na sua persona e nas dores que ela tem e sempre foque em ajudá-la de forma genuína.

Comentários:

Os comentários são o termômetro do seu conteúdo. Ninguém melhor que seus potenciais clientes para te dar um feedback sincero da sua produção e da informação que você passou.

Leia atentamente tudo o que foi dito. Saiba aplicar os comentários que vem em forma de crítica construtiva e desconsidere os haters.

Um ponto chave aqui é que, se possível, responda a todos de forma amistosa. O contato e atenção de uma marca com seus clientes e potenciais diz muito a respeito dela.

Views:

São o número de vezes que seu vídeo foi assistido. Para ter um bom alcance e maiores chances de ser visto aposte em:

  • SEO para vídeos
  • Compartilhamento frequente
  • Títulos atrativos
  • Capas criativas, que instiguem o click

Drop out (taxa de abandono):

Você preparou um conteúdo incrível do início ao fim mas, vem cá, você sabe se seus espectadores estão ouvindo tudo que você tem a dizer?

Fique de olho na taxa de abandono. Especialmente, em quais momentos as pessoas estão saindo do seu vídeo.

Se toda vez que você vai fazer sua oferta o vídeo é deixado, pode significar que você não conseguiu gerar valor suficiente com antecedência.

Mapa de calor:

O mapa de calor é a métrica que nos mostra onde nossos clientes mais se engajam nos nossos vídeos. Aqueles pedacinhos do conteúdo que foram vistos mais de uma vez.

Essa métrica é extremamente importante porque você é capaz de identificar se as pessoas estão entendendo seu conteúdo ou precisando assistir diversas vezes (no caso de um vídeo explicativo, por exemplo).

Ou mesmo se elas gostaram tanto que estão assistindo várias e várias vezes. Se esse for o caso, fica a dica para repetir a boa prática nos próximos conteúdo.

Ah! Essa é uma métrica exclusiva da plataforma de vídeo marketing da VidMonsters. Se quiser conhecer a plataforma gratuitamente, é só clicar no botão abaixo.

Tempo de carregamento:

2 segundos. Exatos 2 segundos é o tempo que você tem para exibir seu vídeo para seus espectadores antes deles te abandonarem. Três são os principais motivos que podem prejudicar o tempo de carregamento do seu vídeo:

  • A internet do usuário
  • O aparelho em que o usuário está assistindo o vídeo
  • A plataforma em que o vídeo está sendo hospedado*  

Assinantes:

Assinantes são pessoas que irão se cadastrar para continuar recebendo os conteúdos em vídeo que você produzir em primeira mão. Quanto mais, melhor.

Uma excelente forma de garantir que as pessoas comecem a te acompanhar e simplesmente lembrá-las de fazer isso. A dica de ouro aqui é ofertar que novos conteúdos de qualidade tão boa quanto ao que você ofertou, serão exibidos com regularidade. Ah! Não se esqueça de criar ‘’exclusividade’’.

Como medir o ROI de uma estratégia de vídeo marketing

O ROI (retorno sobre investimento) é um indicador usadas para analisar se um investimento deu lucro ou prejuízo.

As métricas para medir o ROI se dividem em dois grandes conjuntos: métricas de investimento e métricas do retorno.

Basicamente, você precisa contabilizar tudo o que foi gasto na execução da sua estratégia de vídeo marketing e se o retorno dela foi ou não lucrativo. De forma geral, se o resultado cobriu os custos e ainda ‘’sobrou um extra’’.

Essa medição é, de longe o fantasma da maioria dos profissionais de marketing. Que tem grande dificuldade de comprovar para seus superiores os benefícios de uma campanha.

Já parou para pensar o quão complexo deve ser tentar convencer seu chefe de que gastar 5, 10, 15 mil reais em único outdoor no meio de uma avenida da sua cidade vai converter em vendas?

Felizmente o marketing digital mudou esse cenário problemático. Agora é possível metrificar, de ponta a ponta, todos os custos e lucros de uma estratégia digital. 

Hora de dar o play na sua estratégia de vídeo marketing

Agora é hora de colocar a mão na massa!

E não se preocupe se tudo não sair perfeito logo de cara. O importante é dar o play nessa estratégia e criar vídeos que engajem cada vez mais sua audiência.

E se quiser ficar por dentro dos melhores formatos de conteúdo para começar a produzir, preparamos um artigo completo para você! Dá só uma olhada.

Fique por dentro de todas sacadas de Video Marketing!

Aprenda tudo o que é necessário para alcançar resultados reais com seus vídeos <3 Powered by ConvertKit

Cresça agora os resultados dos seus vídeos

Aprenda tudo o que é necessário para alcançar resultados reais com seus vídeos:

Nosso objetivo é aumentar o seu ROI com vídeos <3 Powered by ConvertKit