Loading Posts...

No atual cenário de inovações e concorrência acirrada, algumas ferramentas são indispensáveis para se diferenciar. O cliente quer ser ouvido e perceber que existe um canal de contato direto entre ele e o serviço/produto que procura. Por isso, fazer transmissão ao vivo se mostra como uma das soluções mais impactantes e interessantes do segmento.

Mas por quê essa ferramenta é tão impactante?  De forma simples, se comunicar por meio de transmissões ao vivo é algo perfeito para o dia a dia contemporâneo. Basta perceber a urgência com que o público procura por informações, a necessidade de interação e a busca por um contato mais direto com o objeto de desejo.

Todas essas necessidades são supridas por este formato de comunicação sem que outros interlocutores precisem ser chamados. Essa conversa sem filtros, sem mediadores, aproxima marcas e empresas de seus clientes e isso vale muito.

Atualmente fazer uma transmissão ao vivo está cada vez mais simples e mais popular. Graças a facilidade de conexão em conjunto com a necessidade de chegar a um público cada vez maior de forma rápida e prática. Essa é uma ferramenta que permite sair do básico e entregar uma experiência de contato e interação que, às vezes, nem mesmo eventos ao vivo são capazes.

Quais são as vantagens de fazer transmissão ao vivo?

De entrada, a conexão direta com quem tem interesse em seu produto/conteúdo/serviço. Isso acontece, principalmente, por causa da interação em tempo real, permitida pela ferramenta.

Essa conexão se faz necessária para diferenciar a sua mensagem das demais, graças ao vínculo criado pela interação. Afinal de contas, o público precisa acreditar no material para justificar seu interesse, certo?

Para que isso aconteça, nada melhor do que voltar ao básico e conversar. Claro que fazer transmissão ao vivo não se encaixa somente no contato com o cliente, mas também pode ser usada na comunicação organizacional – como falamos aqui.

1. A mensagem chega mais longe

Ao fazer uma transmissão ao vivo a capacidade de repassar a mensagem é ampliada de forma exponencial. Como ninguém precisa se deslocar até o local no qual o conteúdo será ministrado, enviá-lo a uma quantidade ilimitada de pessoas é algo factível e simples.

O convite para participar pode ser feito pela empresa de forma direta e efetiva. E esse chamado do público pode acontecer por meio de um call to action em um blog. Enviando um link com os tópicos que serão abordados, convite em redes sociais, emails. Tudo descomplicado.

E justamente o fato de ser simples, garante ao usuário o poder de acessar o conteúdo e interagir de forma real e detalhada. Detalhe que vai transformar sua experiência em algo ainda mais pessoal e próximo.

Em conjunto com esses fatores, ainda podem ser somados comodidade e conforto. Afinal de contas, com a rotina intensa da vida contemporânea, participar de algo sem sair de casa – ou no lugar que você escolher – é sempre um ponto positivo.

2. Interação além do ao vivo

Muitas pessoas até podem alegar que fazer transmissão ao vivo quebra a interação real. Mas é aí que mora um dos principais enganos quando se trata desse tema.

Um conteúdo entregue por essa plataforma possibilita a conversa, comentários e perguntas por meio de uma infinidade de ferramentas. Sem contar que o palestrante pode verificar todas as interações em tempo real – com um ajudante focado nessa tarefa.

A troca de ideias se apresenta de maneira mais fluida e o fator de estar em um ambiente conhecido ajuda as pessoas a falar. Isso, principalmente, por cada um dos participantes estar em um lugar que já conhece e não precisar lidar com a timidez de se comunicar como parte de um grupo de desconhecidos.

Todos esses elementos ficam disponíveis de forma simples, por meio da plataforma de vídeo que você escolher. E o conteúdo ainda pode ser replicado nas redes sociais, acessado novamente, republicado… Formas que mantém a relevância do que foi dito por um longo período.

3. Menor valor investido, maior retorno

Algo que também precisa ser levado em consideração é o investimento. O valor necessário para fazer uma transmissão ao vivo é bem menor do que o necessário para um evento presencial.

Essa economia se deve a diminuição de pessoal contratado, aluguel de local, viabilidade de agendas. Detalhes que potencializam o alcance da mensagem e geram economia direta.

Logo, fazer transmissão ao vivo se torna mais rentável em todas as esferas. Seja na taxa de investimento por participante, seja no retorno de quem conhece o tópico. Afinal de contas, fazer com que um evento on-line ao vivo se capilarize é mais simples do que um evento presencial.

4. Engajamento e retorno

Outro reflexo importante dessa abordagem é um maior engajamento do público com o tema. Isso acontece, pois as pessoas interessadas estão vendo algo acontecendo agora. Elas podem tirar dúvidas, perceber e entender a forma como o tema é abordado, sem nenhum tipo de filtro.

E é sempre bom lembrar que, já em 2016, 51.9% dos profissionais de marketing afirmavam que o vídeo é o tipo de conteúdo com a melhor taxa de retorno. E hoje o cenário é completamente diferente. Ainda mais positivo, se levarmos em conta que o tráfego de dados está cada vez mais barato e simples.

5. Forte presença nas redes sociais

Estar nas redes sociais é um quesito obrigatório para empresas que querem ser encontradas por quem tem interesse no seu produto/serviço/conteúdo. Como parte de uma estratégia que visa a presença mais forte nas redes, fazer transmissão ao vivo funciona muito bem, justamente por transformar um evento online em algo social.

Ou seja, a ferramenta abre um canal de mão dupla. No qual é possível trocar informações de forma dinâmica e específica. A transmissão ao vivo prioriza o conteúdo apresentado em conjunto com a interação de quem se interessa pelo tópico, facilitando ainda mais a troca de conhecimento e o debate.

6. Humaniza a empresa

Ao fazer transmissão ao vivo, torna-se possível mostrar para colaboradores e clientes que você é acessível. Criando uma ponte sólida entre empresa e interessados. Sem contar que é bem mais fácil se relacionar com algo que tenha um rosto e com o qual é possível interagir do que com algo distante.

E dar um rosto ao seu serviço, conversar com as pessoas e mostrar um conteúdo novo é uma das formas mais impactantes de se criar vínculo, algo importante na cultura contemporânea. Isso posteriormente é traduzido em números, seja para comprar, seja para entregar uma informação, seja apenas para se manter próximo de quem consome.

Afinal de contas, falar sobre algo que você acredita e criar uma conexão é mais fácil e simples do que simplesmente comentar a respeito.

Conclusão

Se você está se perguntando o que mais é possível ao fazer transmissão ao vivo; pense no lançamento de um produto, uma sessão de perguntas e respostas, ou até mesmo um tour pela empresa (dependendo do segmento e do tamanho).

Ainda é possível desenvolver um treinamento em larga escala, com colaboradores em partes diferentes do planeta; ou fazer um anúncio surpresa. Em todo caso, as possibilidades são infinitas. E, desde que bem planejado, fazer uma transmissão ao vivo é sempre uma boa resposta. 

Agora você já conhece as vantagens, então é hora de descobrir como fazer uma live de maneira eficiente! Mas fique tranquilo, vamos te ajudar nessa jornada, clique aqui e descubra.

Cresça agora os resultados dos seus vídeos

Aprenda tudo o que é necessário para alcançar resultados reais com seus vídeos:

Nosso objetivo é aumentar o seu ROI com vídeos <3 Powered by ConvertKit

Cresça agora os resultados dos seus vídeos

Aprenda tudo o que é necessário para alcançar resultados reais com seus vídeos:

Nosso objetivo é aumentar o seu ROI com vídeos <3 Powered by ConvertKit