Loading Posts...

Que os vídeos são o futuro da internet todos já sabem. Mas agora, chegou a hora de descobrir 5 motivos para investir em vídeos na sua estratégia de marketing.

A internet possibilitou uma gama de possibilidades e formatos para oferecer ao público uma comunicação completa.

Mas os vídeos vem se tornando um grande destaque, já que conseguem atrair a atenção do espectador devido a sua dinâmica e fluidez ao contar alguma história.

Motivos para investir em vídeos na estratégia de marketing não faltam. Segundo uma pesquisa divulgada pelo Cisco, até 2020 82% do tráfego da internet será gerado apenas por vídeos.

Outro estudo feito pela Video Brewery mostra que 90% dos entrevistados relataram que assistir um vídeo de algum produto foi um fator fundamental na decisão de compra.

O problema é que apesar de estar ganhando a atenção das empresas, a estratégia ainda é vista como cara. Por isso, grande parte dos pequenos investidores e empreendedores não entende que também devem começar a investir em conteúdo audiovisual.

Vamos entender melhor essa nova face do conteúdo online? Em seguida analisamos se vale a pena, ou não, investir em vídeos.

Por que o vídeo marketing está em alta?

O vídeo é o presente e o futuro do marketing digital. Isso já é completamente atual: os blogs deram espaço para os YouTubers, os textos do Facebook foram substituídos por uma quantidade enorme de vídeos na Timeline, e por aí vai.

A internet tornou a divulgação democrática. Não é preciso mais investir em horários nobres da televisão para poder exibir o seu conteúdo. Existe espaço online para todas as marcas e públicos, de forma barata, é claro.

O vídeo é atraente e consegue instigar quem está assistindo pela interação, o som, as imagens e a criatividade. Por isso, não dá mais para ignorar que o conteúdo audiovisual é uma ferramenta poderosa. E utilizá-la da maneira correta pode trazer muitos resultados para o seu negócio.

5 motivos para investir em vídeos no marketing

Está mais que na hora de considerar o vídeo na sua estratégia digital para atrair o público! Para te convencer de vez, nós montamos uma lista com 5 vantagens ao utilizar o audiovisual na sua comunicação online. Confira:

1. Vídeos são mais educativos

De fato, conteúdos em vídeos tornam a mensagem mais educativa. Mas, aprender alguma coisa depende da didática que é utilizada na produção e qual delas o seu público consegue se adaptar melhor. Mas caso você escolha o vídeo como estratégia, pode ser que o seu objetivo seja concluído com mais rapidez.

Isso acontece porque o conteúdo audiovisual possui diversos elementos que podem auxiliar no aprendizado, como textos, imagens, demonstrações e áudios. Por isso, ele se torna mais educativo para quem está assistindo.

Esse tipo de formato pode ser utilizado para apresentar uma marca, uma ideia, um produto ou alguma solução. O importante é que ele seja o mais objetivo e claro possível, além de torná-lo leve e atrativo.

Veja um ótimo exemplo de vídeo que ensina como funciona a energia solar:

2. Vídeos é o formato de conteúdo mais consumidos na internet

Muitas empresas já perceberam que vídeos são um formato extremamente aceito pelos consumidores. A Netflix é um ótimo exemplo. Chegou e roubou a cena carregando consigo os mais variados tipos de apaixonados por séries e filmes. E o YouTube, para se ter uma ideia, é o segundo maior buscador do mundo, perdendo apenas para o Google.

Com tecnologias cada vez mais avançadas e plataformas evoluídas, fica cada vez mais fácil reproduzir vídeos de qualidade de onde estiver. Além disso, a produção de vídeos também se tornou democrática.

A partir de agora qualquer pessoa que tenha acesso a um celular pode produzir. Por isso, há assuntos e públicos para todos os nichos, coisa que a televisão deixa a desejar.

Atualmente os smartphones são um dos meios mais utilizados para que o público consiga assistir aos conteúdos e, como dito acima, com o avanço das tecnologias em torno dele, fica mais fácil para o usuário conseguir reproduzir vídeos de excelente qualidade.

Para se ter uma ideia, veículos tradicionais que até então só reproduziam textos, passaram a adotar a plataforma de YouTube para fazer uma comunicação diferenciada e inovadora.

Dois grandes exemplos são a TV Folha e a TV Estadão, que utilizam de uma linguagem diferenciada e única de internet para tentar falar de assuntos sérios e atrair o público que eles não tinham até então: os jovens.

Veja o exemplo da TV Folha, onde uma jornalista jovem fala sobre título de capitalização de uma forma didática e simples:

3. Aumenta a visibilidade da empresa

Um dos motivos para investir em vídeos é a facilidade em criar uma relação amigável com o seu público e gerar conversões para o seu negócio. Não considerá-lo na sua estratégia pode se tornar um grande atraso e um passo atrás dos seus concorrentes.

As empresas que utilizam esse tipo de conteúdo obtém muito mais engajamento. Para se ter uma ideia, um outro dado revelado pelo Video Brewery mostra que 80% dos entrevistados se recorda de ter assistido um anúncio em vídeo no último mês.

Já a Buzzsumo afirma que conteúdos em vídeos trazem mais engajamento do que postagens simples com textos, fotos e links. Isso mostra que ao fazer vídeos, seu conteúdo será mais compartilhado, mais pessoas vão ver e, consequentemente, sua empresa ganha visibilidade.

4. Melhora o SEO e o posicionamento nas pesquisas

Diversos tutoriais mostram que a gente precisa caprichar na hora de escrever um artigo e utilizar todas as técnicas para que o nosso link apareça na principal página do Google. Por isso, saiba que os vídeos podem ser uma ótima maneira de melhorar o SEO do seu site também.

Isso acontece porque a maioria das ferramentas de pesquisas procuram saber se a sua página possui engajamento. E, como já dito acima, o vídeo é uma excelente ferramenta para fazer com que isso aconteça.

Segundo o Forrester Research, quando uma página web possui um vídeo incorporado, as chances do conteúdo ser ranqueado na primeira página é de 53 vezes maior.

5. Vídeos são responsivos

Um dos motivos para investir em vídeos é o fato dele ser flexível. É possível assisti-lo onde e quando quiser, desde que se tenha acesso a internet. Com isso, o público não precisa se prender a um único dispositivo.

Por isso, ao criar um conteúdo, você já pode esperar que ele seja compartilhado de qualquer aparelho, seja ele celular, tablet ou notebook. Assim, as chances dele ter um bom número de visualizações são ainda maiores, tendo uma conexão com o público mobile. Que são um dos maiores consumidores de vídeos, além de representar a maior parte do tráfego da internet.

6. Os vídeos são o que o público quer

No mundo dos negócios, o maior chavão que você respeita é que “o cliente sempre tem razão”. E, se essa é uma realidade indiscutível para você, saiba que o que o público quer são os vídeos. Você pode comprovar isso conferindo os resultados mais importantes da Pesquisa da Provokers para Google, que apontou o impacto dos vídeos na vida dos brasileiros. Olha só:

  • Pela primeira vez em 4 anos de pesquisa, mais da metade dos entrevistados respondeu que passa mais tempo assistindo a vídeos no YouTube do que na TV. Em 2014, o número chegava apenas a 67%. Hoje, eles formam 99%;
  • Em relação ao número de horas, hoje os espectadores consomem mais de 15h semanais de conteúdo online audiovisual
  • 7 a cada 10 brasileiros têm um smartphone. E o melhor: 84% deles utilizam os aparelhos para acessar vídeos online;
  • Não podemos esquecer da importância da segunda tela. Hoje, enquanto assistimos TV ou usamos um computador, por exemplo, estamos também conectados em outras redes sociais e sites utilizando o nosso smartphone. Segundo a pesquisa, 86% das pessoas que assistem TV usam o celular ao mesmo tempo. 12% a mais que no ano passado!
  • Por fim, a busca por vídeos online continua crescendo. E, quando paramos para avaliar esse dado e pensamos em como esses números aumentam ano após ano, entendemos como os vídeos só tendem a crescer no mercado.

2. Essa estratégia pode ser barata

Diferente do que muitos pensam, os vídeos não precisam ser produções milionárias. Existem inúmeras técnicas que podem ajudar mesmo quando possui poucos equipamentos e recursos. Na internet, você encontra dicas sobre iluminação, enquadramentos, tipos de câmeras mais acessíveis e até dicas sobre como configurá-las para obter os melhores resultados!

Começar com produções mais simples não vão prejudicar você. Pelo contrário: elas vão colocá-lo em evidência e vão contribuir para que você ganhe mais experiência e encontre o melhor caminho para produzir seus vídeos. Então, faça. O importante é começar!

3. Você pode utilizar a internet para alcançar seu público

Chegar ao seu público também não precisa ser caro. Utilizando plataformas como o YouTube, o Facebook ou o Instagram, por exemplo, você consegue atingir sua persona e se comunicar com ela sem se preocupar com grandes investimentos. Com conteúdo orgânico (que não usam anúncios para serem entregues às pessoas) você tem um alcance menor, mas é o bastante no início.

4. Seu rankeamento será melhor

Investir em vídeos também melhoram as suas chances com o Google, se é que você me entende. Isso porque, comparados a conteúdos em texto, eles têm 41% a mais de chance de aparecerem nos resultados de busca. Viu só? Eles são vantagens até em termos de SEO.

5. Construir um relacionamento com o seu público é mais fácil

Os vídeos já são conteúdos naturais para a sociedade. Eles estão presentes na TV, em novelas ou programas, eles formam as propagandas, estão presentes no YouTube… Enfim, estão em todos os lugares. Por isso, nada mais natural que utilizá-los para criar uma conversa e, dessa forma, uma relação com o seu público.

Por meio desse formato, você terá a chance de explicar sua missão, seus produtos e o que você representa para a vida de seus clientes e também poderá responder às suas diversas dúvidas. É uma forma mais íntima de conhecê-los e também de deixar que conheçam quem é você, o seu negócio, a sua empresa.

6. Você pode estar em todas as redes sociais

Utilizando a estratégia de vídeos nativos, você ainda pode upar seus vídeos em cada plataforma e ter um retorno ainda maior. Seu alcance será potencializado e a melhor notícia é que é gratuito!

Fail Social Media GIF

7. Videos podem ser consumidos em qualquer lugar

Com a nossa rotina corrida, toda chance de facilitar a vida da sua persona é mais que bem-vinda. E esse é um outro motivo para investir em vídeos: eles simplificam a vida das pessoas. Pense só: quantas vezes você não recorreu a eles quando estava indo de um lugar ao outro e precisava de distração, durante a espera em uma clínica ou enquanto pesquisava sobre a compra de algum produto? Muitas vezes, aposto!

Isso porque eles são simples de serem consumidos e podem ser assistidos em qualquer lugar. Pense nas milhares de pessoas a sua volta e em como todas elas também utilizam os vídeos como referências, tutoriais ou como maneiras de conhecer marcas e empresas. É por tudo isso que você precisa investir neste modelo!

Dica amiga: não se esqueça das métricas!

Investir em vídeos é um passo que garantirá maior alcance e vendas para o seu negócio, seja ele um produto ou serviço. E esperamos de verdade que, depois de todos esses motivos, você reconheça o valor desse formato para as suas estratégias de marketing.

Dito isso, é importante reforçar que, para potencializar seus resultados, é indispensável que você acompanhe a repercussão do seu conteúdo nas redes e analise as métricas e feedback presentes em cada uma. Essas informações norteiam o andamento das campanhas e de suas produções e serão capazes de apontar se está ou não no caminho certo.

Como investir em vídeos no marketing digital

O ideal é que você faça um planejamento aprofundado de qual é o objetivo do seu vídeo, quem é o seu público, o que ele busca, como produzir, onde e quanto postar cada conteúdo.

Assim, você poderá aplicar o vídeo marketing no funil de vendas, gerando leads mais educados para que fiquem preparados para chegar ao fundo do funil, efetuando a compra com confiança.

Como você viu ao longo desse texto, os motivos para investir em vídeos na sua estratégia são muitos. A partir deles cada empresa encontra suas necessidades e pensa em maneiras de atrair o público.