Autor convidado
Por Autor convidado

Marketing nas redes sociais: 9 dicas para obter sucesso

Autor convidado
Por Autor convidado

Todos aqueles que possuem um negócio na atualidade, principalmente um negócio digital, devem explorar o marketing nas redes sociais para conseguir melhores resultados.

As redes sociais são utilizadas diariamente por milhares de pessoas, motivo pelo qual vale a pena manter uma presença nesses canais.

Para conseguir aumentar a sua audiência, conquistando cada vez mais clientes para os seus produtos e serviços, é preciso seguir algumas estratégias básicas.

Neste post, vamos apresentar algumas dicas essenciais para conseguir aproveitar ao máximo o poder do marketing nas redes sociais para alavancar as vendas e crescer no mercado.

1. Escolha as redes sociais ideais de acordo com o objetivo de seu negócio

Existem diversas redes sociais populares na atualidade, todas elas com um grande número de usuários registrados e ativos todos os dias.

Mas existe um detalhe importante: o público de cada uma dessas redes sociais é diferente. Por isso é importante escolher os melhores canais com base no objetivo do seu negócio.

Vamos comentar um pouco sobre as principais característica das redes sociais mais visadas. São aquelas com maior número de usuários, que podem ser utilizadas em suas estratégias de marketing nas redes sociais.

a) Facebook

O Facebook é a maior rede sociais do planeta, com mais de 2 bilhões de usuários registrados. Só no Brasil a gigante conta com mais de 130 milhões de registros, o que faz do país um dos mais ativos do mundo dentro da plataforma.

Desde 2008 essa plataforma se destacou e nunca mais parou de crescer. O alcance orgânico no Facebook é gigante, sendo uma das redes sociais com maior número de usuários ativos.

O perfil de usuários da plataforma é variado: é possível encontrar pessoas de todos os sexos, de todas as faixas etárias e com todos os gostos e estilos. Dentro dessa rede social são compartilhados posts em texto, vídeo e transmissões ao vivo.

A plataforma se destaca como um canal social, em que as pessoas interagem entre si, seja através de reações (curtidas), comentários, compartilhamentos ou mensagens diretas, através do Messenger, aplicativo conexo.

Milhares de marcas já estão dentro dessa plataforma, mantendo presença através de páginas profissionais. Trata-se de um excelente canal para começar a implementar estratégias de marketing nas redes sociais. Permite a criação de anúncios publicitários.

b) Instagram

O Instagram surgiu de forma tímida no mercado das redes sociais, mas logo alcançou o seu lugar de destaque. Hoje em dia ele bate de frente com o Facebook, sendo em muitos aspectos preferido pelos usuários. Por isso vale a pena ter um Instagram de sucesso, com vários seguidores.

E por falar em usuários, o número não para de crescer. Atualmente já são mais de 57 milhões registrados só no Brasil. Através de novos recursos, a plataforma tende a permanecer por muito tempo entre as mais indicadas para o marketing nas redes sociais.

Assim como o Facebook, essa rede social permite a criação de anúncios publicitários – a partir do gerenciador de anúncios do Facebook, que funciona de forma integrada. As fotos para Instagram devem ser pensadas para gerar atração, tanto nas postagens orgânicas quanto nos posts pagos.

c) LinkedIn

As redes sociais não se resumem apenas ao compartilhamento de imagens de redes sociais, como gatinho e memes.

O LinkedIn é a prova de que as plataformas sociais podem ser exploradas de maneiras bem diferentes. Trata-se de uma das maiores redes corporativas do mundo.

Já são mais de 200 milhões de usuários registrados no mundo todo. No Brasil, o número de cadastros chega a 29 milhões. O que diferencia essa plataforma de outras, como o Facebook e o Instagram, é a proposta: uma rede social para profissionais.

Os usuários são pessoas procurando por colocações no mercado de trabalho, buscando por oportunidades ou interessadas em aumentar o networking, a rede de contatos profissionais. Por isso o público é mais velho e com nível de formação mais avançado.

Além dessas plataformas, podemos mencionar, ainda, o Twitter, que permite o compartilhamento de várias mídias e é uma das redes sociais mais tradicionais do mercado – com a vantagem de estar sempre no ar mesmo quando todas as outras estão enfrentando turbulências.

O marketing nas redes sociais também pode ser aplicado ao Pinterest, plataforma de compartilhamento de imagens – mais profissional do que o Instagram – e ao YouTube, a maior plataforma de compartilhamento de vídeos do mundo, com aproximadamente 100 milhões de usuários registrados só no Brasil.

Ganhar inscritos no YouTube, na verdade, é uma forma eficiente de conseguir criar autoridade dentro da internet, o que é benéfico para qualquer negócio.

2. Faça um planejamento

Para que o marketing nas redes sociais seja possível, o planejamento é fundamental.

Conforme mostramos, existem diversas redes sociais com enorme potencial, que podem ser exploradas. Mas, antes de qualquer coisa é importante organizar tudo direitinho.

Vale a pena pensar no conteúdo que será publicado, na frequência de publicação, nos melhores formatos (texto, imagem, vídeo, transmissão ao vivo etc.) e outros fatores.

A criação de um calendário editorial pode ser excelente para manter o controle sobre o planejamento de mídias sociais.

3. Poste conteúdo relevante

Na hora de criar o conteúdo para o marketing nas redes sociais, um dos detalhes a serem observados diz respeito a qualidade: o conteúdo deve ser relevante para o público-alvo.

Mas o que é conteúdo relevante?

É aquele que entrega informações úteis, que ajudam as pessoas no dia a dia.

Nada de conteúdo só para “encher linguiça”, é fundamental ir direto ao ponto e tratar o público alvo com respeito.

Para te ajudar a pensar nos melhores temas para postagens, uma pesquisa rápida no Google Trends e no Google Keyword Planner é a solução. Essas ferramentas ajudam a encontrar ideias de tema e assunto populares.

4. Cuide da qualidade do conteúdo

Depois de escolher os melhores temas e assuntos para as postagens, é momento de cuidar da qualidade do material a ser produzido.

O marketing nas redes sociais deve estar baseado em conteúdo sólido, que passe por um processo de verificação que vá desde a escolha do conteúdo para redes sociais até a seleção das imagens a serem incorporadas.

Todos os detalhes importam, para criar materiais impecáveis, que despertem a atenção das pessoas que seguem o perfil da marca nas redes sociais. As imagens podem ser criadas de forma autônoma ou encontradas em bancos de imagens.

O texto da copy da postagem também deve ser construído buscando o máximo de qualidade.

Por fim, mas não menos importante, ainda sobre a qualidade do conteúdo, vale a pena organizar bem o feed.

No Instagram, por exemplo, manter um padrão de cores é indicado, para criar um aspecto mais limpo, que transmita a ideia de cuidado e organização por parte da marca.

5. Aproveite os assuntos que estão nos trends e utilize memes do momento

Quando realizada de forma correta, a estratégia de aproveitar o hype – momento de promoção extrema de um produto, pessoa ou marca – tem efeitos muito positivos.

No marketing nas redes sociais, explorar memes e tendências é uma forma de se manter competitivo e atualizado.

Para não ficar de fora dessa estratégia, um dos segredos é acompanhar de perto o que está acontecendo no mundo.

Pesquisar e acompanhar o que outras pessoas e empresas estão publicando e compartilhando é uma forma eficiente de não ficar para trás e perder o meme. Afinal de contas, o hype passa muito rápido.

O marketing viral nas redes sociais está quase sempre associado com assuntos populares. O caso Bettina, por exemplo – a jovem que ficou milionária investindo apenas 1500 reais – foi explorado por milhares de empresas.

6. Não seja polêmico

A polêmica não combina com o marketing nas redes sociais. Muitos perfis, inclusive empresariais, acabam perdendo seguidores por apostarem em abordagens agressivas, tocando em assuntos que acabam causando controvérsia entre os seguidores e os usuários de modo geral.

Existem muitos assuntos que merecem ser evitados, seja qual for o seu negócio. Entre eles estão política, religião, drogas e similares.

A menos que a sua empresa atue diretamente nesses segmentos, é melhor pensar em publicações que não abram espaço para a polêmica.

Ou seja, um dos cuidados nas redes sociais é evitar ao máximo causar polêmica ou intriga entre os seguidores, de forma a manter um clima sempre positivo.

7. Saiba investir em anúncios

As estratégias de marketing nas redes sociais vão muito além de compartilhar conteúdo rico. Uma das grandes vantagens das redes sociais é a possibilidade de criar materiais publicitários, chamados de anúncios, que são veiculados para toda a rede de usuários e não somente para os seguidores da sua marca – se é isso que você deseja.

Isso significa que o alcance de um anúncio publicitário nas redes sociais é gigante, principalmente quando o criador do anúncio sabe segmentar o seu público e escolher bem os parâmetros da publicidade.

Para investir em publicidade paga sem perder dinheiro, no entanto, é preciso conhecer bem os criadores de anúncios.

Entre as principais plataformas de anúncios está o Facebook Business. Trata-se de uma plataforma incrível, com diversos recursos de segmentação.

É possível criar anúncios para serem exibidos para públicos específicos, delimitados por idade, sexo, interesses, dispositivo de conexão, nível de escolaridade e muito mais.

O Facebook Business está conectado ao Instagram Business, sendo possível criar anúncios para as duas redes sociais a partir do mesmo gerenciador de anúncios, de forma simultânea ou individualizada.

Além disso, outras redes sociais também oferecem gerenciadores de anúncios. É o caso do Twitter Ads e do LinkedIn Ads.

Todas essas plataformas permitem a segmentação, a pesquisa por palavras-chave e controle do orçamento – ou seja, você decide quanto deseja gastar em suas estratégias de marketing nas redes sociais.

No entanto, tão importante quanto criar o anúncio é acompanhar de perto os resultados. O melhor de tudo é que você pode fazer edições em tempo real, com efeitos praticamente na mesma hora. Uma campanha pode ser melhorada durante a sua veiculação.

8. Incentive o engajamento e interaja com seus seguidores

Redes socias são para socializar. Isso vale também para as marcas que estão presentes nesses canais.

Todas as estratégias de marketing nas redes sociais devem estar baseadas na interação contínua com os seguidores, seja através das curtidas, das respostas, dos compartilhamentos, dos vídeos ao vivo etc.

Além disso, a gestão de redes sociais deve estar voltada para incentivar a participação dos seguidores, abrindo enquetes, fazendo perguntas, inserindo chamadas para a ação (CTAs) ao final das postagens e muito mais.

Responder mensagens no inbox também é recomendado.

9. Faça o monitoramento

Para finalizar, é importante falar sobre a importância do monitoramento de redes sociais.

Não existem estratégias perfeitas, mas sim estratégias perfeitas para cada negócio. E para saber exatamente o que funciona para você, vale a pena testar e experimentar.

Existem alguns números mais óbvios que podem ser acompanhados, como o número de seguidores na página do negócio, número de interações como likes, comentários e compartilhamentos, número de pessoas acompanhando as transmissões ao vivo etc.

Além desses números, existem alguns outros que só podem ser acompanhados através de ferramentas externas. São os chamados KPIs, formados pela análise conjunta de métricas menores.

É o caso do número de pessoas que estão acessando o seu site ou blog a partir dos links compartilhados nas redes sociais. O Google Analytics é uma das melhores opções para realizar esse acompanhamento.

E para que as suas marketing nas redes sociais tenham resultados ainda mais poderosos, vale a pena inserir imagens de qualidade, editadas e personalizadas para o seu negócio.

Para te auxiliar, separamos um post completo com os melhores editores de fotos para celular e computador.

Conteúdo produzido pela Hotmart.