Loading Posts...

Os vídeos animados são verdadeiras febres. E isso não é de agora, há anos, os diversos tipos de animação conquistam, entretém e encantam pessoas, de todas as gerações e em vários lugares do mundo.

Mas, para as empresas, os vídeos animados também possuem muita utilidade. É cada vez mais comum que negócios utilizem animações para as suas estratégias de vídeo marketing, por exemplo, para vídeos institucionais ou de demonstração de produtos.

Uma dúvida que surge, no entanto, é sobre qual tipo de animação utilizar, para uma estratégia de vídeo marketing.

Neste artigo, você vai conhecer os 7 principais tipos de animação. Veja quais as características e história de cada tipo, e saiba como escolher o melhor, para a estratégia de vídeo marketing do seu negócio.

Os 7 principais tipos de animação para conhecer

Quem não gosta de assistir um bom vídeo de animação? De crianças a adultos, todos gostam de assistir animações, sejam elas informativas ou apenas com fim de entretenimento.

Mas o que muitos não sabem é que vídeos de animação podem ser uma excelente ferramenta de marketing.

No marketing digital, que é essencial para qualquer negócio que funcione através da internet, os vídeos são usados de diversas maneiras. Desde atrair o público, até a apresentar um produto aos potenciais clientes.

Os vídeos de animação são ótimos para fidelizar os clientes, por serem de fácil compreensão – muito mais fáceis que qualquer texto – além de provocarem emoções em quem assiste.

A seguir, conheça os 7 principais tipos de animação e se inspire para criar vídeos incríveis para a estratégia de vídeo marketing da sua empresa.

1. Animação clássica (ou tradicional)

A animação clássica, é o tipo de animação mais conhecido e mais antigo. A técnica faz referência a desenhos manuais, que são feitos quadro a quadro, formando uma sequência com sutis mudanças que, quando manipuladas, simulam movimento, formando um “filme”.

É um tipo de animação muito trabalhosa, mas que encantou, e ainda encanta, gerações, praticamente abrindo as portas do universo da animação para o público.

A primeira animação gravado do mundo foi o desenho Fantasmagorie, produzido em 1908 pelo francês Émile Cohl.

2. Rotoscópia

A rotoscópia é mais um dos tipos de animação mais utilizado na indústria. A técnica foi muita utilizada para desenhar um personagem de animação “por cima” de um filme pronto com imagens reais. Como no famoso clipe Take on me, da banda norueguesa A-ha.

O rotoscópio, aparelho inventado por Max Fleischer, foi o responsável por esta técnica de animação. Com o aparelho, um modelo humano é filmado ou fotografado em sequência, e o desenho é feito com base nessa “captura”.

É por isso que em alguns filmes ou desenhos mais antigos, como o Branca de Neve e os Sete Anões, produzido pelos estúdios Disney, em 1937, alguns personagens como a Branca de Neve e o Princípe tem feições muito parecidas com as de pessoas reais.

3. Animação 2D

Os exemplos de animação 2D mais conhecidos e que fizeram parte da infância de muitos foram os desenhos animados Pernalonga, Tom e Jerry e a Pantera Cor de Rosa.

Este é um dos tipos de animação que é mais produzido nos dias atuais. Na maior parte das vezes, nas produções mais comuns de hoje em dia, é feito um mix entre animação 2D e 3D.

Para produzir uma animação 2D, é necessário lançar mão de softwares específicos para este tipo de criação, como o Adobe After Effects.

Como as pessoas tem acesso a este tipo de tecnologia cada vez mais, o estilo se tornou muito popular. Hoje, muitas pessoas tem a produção de animações até mesmo como hobby.

As animações 2D podem ser classificadas como mais simples do que as 3D, já que as imagens dispõem de apenas dois eixos.

4. Animação 3D 

As animações em 3D são muito populares hoje em dia, graças às enormes ondas de sucesso de grandes bilheterias de cinema como Toy Story e Shrek.

As animações em 3D são mais complexas de serem produzidas, mas, ao mesmo tempo, impressionam o público com seus efeitos especiais.

Para produzir este tipo de vídeo, é preciso usar softwares mais robustos e modernos com técnicas de renderização, como o 3D Studio Max, por exemplo.

No entanto, apesar de serem mais trabalhosos, o mais legal das animações em 3D é que elas são um dos tipos de animação que mais apresentam características realistas.

5. Animação Stop Motion

O stop motion é um dos tipos de animação mais difíceis de serem produzidos, mas que produzem alguns dos resultados mais incríveis para o público.

Nesta técnica de animação, a câmera é usada para fotografar, quadro a quadro, esculturas ou bonequinhos feitos com massa de modelar ou outras formas.

A junção dos movimentos sutis dos bonequinhos forma um filme, em um processo semelhante aos dos desenhos, na animação clássica.

Um exemplo muito famoso de Stop Motion é o filme de animação A Noiva Cadáver, produzido pelo cineasta Tim Burton, no ano de 2005.

6. Motion Graphics

O motion graphics é a animação onde há movimento dos elementos gráficos pensados de forma criativa.

Dentre os tipos de animação, o motion graphics se diferencia muito dos demais, por ter como elementos principais formas gráficas e textos. Geralmente, este é um dos tipos de animação mais utilizados para propósitos comerciais.

7. Animação em Whiteboard

Outros dos tipos de animação é a chamada “animação em whiteboard”. Nestas produções, a animação tem como fundo um quadro branco e, a medida que os desenhos vão passando, existe uma narração para contar uma história.

As ilustrações podem ser feitas por ilustradores e animadas conforme o contexto do conteúdo do vídeo.

A animação em whiteboard é ideal para conteúdos explicativos, pois as anotações acabam facilitando o entendimento do conteúdo.

Como escolher o estilo de animação ideal para trabalhar

Para decidir qual dos tipos de animação que apresentamos é o ideal para o seu negócio, é importante pensar com muita clareza sobre a proposta e o propósito do vídeo que você deseja produzir.

É importante identificar qual é a sua intenção, ou seja, o que você deseja alcançar com esta animação que irá produzir.

Outra questão a se pensar é que não existe um tipo de animação melhor ou pior do que o outro, mas sim, aquele que melhor se encaixa com a sua necessidade e a sua estratégia atual.

Pense sobre pontos como qual público deseja atingir e como deseja que a mensagem chegue a ele. Com esta avaliação, você poderá definir qual será o melhor dos tipos de animação para o seu negócio.

Agora que você já conhece os principais tipos de animação, é hora de criar a sua própria animação. Para isso, aprenda a criar vídeos animados para o seu negócio e quais ferramentas usar.

Redação VidMonsters

Loucos por marketing e vídeos!