Loading Posts...

Se você acha que o vídeo marketing é a próxima tendência, está muito enganado. Na verdade essa estratégia já é uma realidade e as empresas que estão usando a ferramenta já perceberam os resultados. Inclusive, já existem diversos tipos de vídeos para todos os estágios da jornada de compra.

Segundo uma pesquisa realizada pelo Cisco, 94% dos empresários jovens conseguem perceber o vídeo como uma forma de quebrar barreiras, sejam elas linguísticas ou ou comunicativas.

Outro estudo feito pela Video Brewery diz que 90% das pessoas entrevistadas revelam que assistir um vídeo foi algo decisivo para que eles concretizassem uma compra.

E se você ainda tem dúvidas sobre como ele será recebido pelo público no futuro, a tendência, segundo o Cisco, é de que 82% de todo o tráfego na internet será gerado em vídeo até 2020. Já conseguiu imaginar a quantidade de conteúdo?

Os vídeos são parte importantíssima na estratégia de marketing. Eles são cada vez mais pedidos pelo público, que consome as informações destes produtos de forma mais fácil, natural e democrática.

Isso porque os vídeos podem ser assistidos em qualquer lugar. Por essas e outras, a cada dia surgem novos tipos de vídeos para ajudar você a propagar a sua marca e adquirir mais autoridade sobre o seu produto e serviço!

No artigo de hoje, vamos falar sobre esses vários formatos. Assim, você vai conhecer outras possibilidades de produzir o seu conteúdo. E consequentemente, vai conseguir ainda mais engajamento e resultados com os seus vídeos. Então prepare-se e vamos descobrir essas novas possibilidades! 

Por que investir em vídeos?

Os vídeos são, hoje, uma ferramenta poderosa para garantir mais espaço na internet e maior engajamento para a sua marca.

Eles têm maior probabilidade de serem clicados nas pesquisas, alcançam mais pessoas e garantem o seu interesse por mais tempo. Além disso, são mais práticos do que os textos, já que podem ser assistidos ainda que como segunda tela e em qualquer lugar.

Graças a tudo isso, eles se tornaram parte da estratégia de marketing. Segundo Alberdeen, times de marketing que usam vídeo em suas estratégias crescem faturamento 49% mais rápido que times que não os adotam. E temos certeza que você prefere ser do primeiro grupo. Por isso, nada melhor do que começar a investir no mercado audiovisual e dar início aos resultados – que serão incríveis! 

Quais são os tipos de vídeos existentes no mercado?

Quando falamos que existem vários tipos, não mentimos. São inúmeras possibilidades e trouxemos as principais delas para vocês. Confira:

1. Vídeo Tutorial

É muito mais fácil demonstrar como um produto funciona do que explicar por meio de um texto, não é? Por isso, os vídeos tutoriais são tão importantes. Neles, você consegue se conectar aos seus clientes e explicar de um jeito simples o funcionamento daquilo que eles aderiram. Bem mais fácil, não é?

Então, nada melhor do que utilizar um vídeo de passo a passo para poder explicar tim tim por tim.

Provavelmente um vídeo interativo pode chamar mais atenção dele do que aquela instrução de produto por escrito. Isso acontece já que as pessoas já não tem tempo nem paciência para ler instruções.

2. Webinar

Os Webinar são palestras online que podem ajudar você a garantir autoridade no assunto e se conectar com o seu público. Eles são cada vez mais praticados porque trazem alguns benefícios como:

1. Baixo custo

O baixo custo para executar, já que você só precisa de uma boa conexão de internet e de um espaço para dar a sua palestra.

2. Não é preciso se deslocar

Nenhum deslocamento do público é necessário, já que os inscritos podem assistir por meio de seus smartphones, notebooks e computadores.

3. Criar um relacionamento

A possibilidade de se conectar com os seus clientes, mostrar melhor quem é você e ainda responder todas as dúvidas em tempo real, por meio do campo de bate-papo.

4. Se tornar uma referência

Você ainda pode distribuir brindes que vão beneficiar os seus clientes e transformar a sua marca em uma referência, dando início a um relacionamento.

Outros pontos favoráveis do webinar:

As redes sociais, seja Facebook, Instagram ou YouTube, são ótimas plataformas para você realizar o seu webinar. O vídeo ao vivo é um dos tipos de vídeo marketing capaz de trazer muito engajamento e insights interessantes.

Ele tem um local apropriado para o seu público interagir com você enquanto está na live. Assim, você pode responder perguntas e também fazê-las. Vale perceber a reação das pessoas, se elas assistem todo o vídeo, entre outras métricas.

Você pode pedir sugestão ao final do vídeo e encontrar novos assuntos para fazer outros vídeos. E não se esqueça, você precisa manter o seu público engajado após o webinar.

3. Perguntas e Respostas

Nada mais tradicional que um bom vídeo de perguntas e respostas (ou Q&A). Neles, você pode tirar as dúvidas dos seus clientes e aproveitar para falar da sua empresa sem que pareça forçado ou óbvio demais. É uma forma de mesclar uma necessidade deles com as suas.

4. Vlog

Os vlogs são extremamente requisitados no YouTube e conquistam mais e mais fãs a cada dia. Nele, o dono do canal mostra seu dia para os seguidores, como uma forma de diário em vídeo que registra um passeio, um evento, uma rotina ou o que vier à mente. A pessoa conversa com a câmera (e, consequentemente, com os fãs) e, dessa forma, estreita a relação com ele. É uma ótima pedida!

5. Top 10 (ou Top 3, 4, 5…)

Seja com os artistas mais bem cotados do momento à melhores truques para a rotina no trabalho, os Top 10 são sempre uma ótima sacada.

O nome desse tipo de vídeo já é reconhecido à distância e por si só já garante a simpatia das pessoas. Mas, além disso, esse é um dos tipos de vídeos que garante um conteúdo rápido e simples e, na maior parte das vezes, leve de se consumir.

Por isso, por que não investir nesse formato e criar algo dinâmico, leve e bacana de ser consumido? Esse pode ser um ótimo vídeo para conquistar mais atenção no seu canal!

6. Vídeo Case

Quer mostrar um projeto que foi um sucesso? Então o tipo de vídeo que você procura é o vídeo case. No formato, você exibe os detalhes de uma campanha, uma peça ou um evento e mostra um pouco da produção, os detalhes do percurso e comemora o sucesso ou até mesmo a repercussão alcançada. É bem legal investir em um vídeo assim quando o projeto exigiu muito esforço e foi algo marcante para a empresa.

7. Entrevistas

Esse é um dos tipos de vídeos que nem precisa de explicação, não é? As entrevistas com os funcionários, colaboradores estratégicos do time, parceiros ou especialistas sobre o negócio podem trazer muitos benefícios para você e não são difíceis de serem produzidas.

Então, por que não utilizar?

Quando a pessoa segue a sua marca, quer dizer que ela se interessa pela área você atua. Utilize essa abertura para trazer ao seu público tudo o que a sua empresa sabe sobre o assunto. Além de mostrar o porquê ela deveria ser referência tanto para pesquisa quanto para compra.

É importante lembrar que esse  é um dos tipos de vídeo marketing que precisa ser feito com alguma autoridade no assunto. Por isso, se a sua empresa é de TI, convide o gestor da área para responder perguntas do seu público.

Caso a sua empresa seja de creme para rosto, convide um dermatologista para dar dicas de cuidados com a pele. Mas preste atenção no que as pessoas que estão seguindo a sua marca desejam saber. São elas que mandam no conteúdo.

Quanto ao formato da entrevista; você pode fazer o padrão, que acompanha perguntas, respostas, passagens entre outros elementos; ou uma espécie de talk-show, um estilo mais informal e divertido de conversa.

8. Vídeos de Produtos (ou vídeo de demonstração de produto)

O nome já diz tudo, certo? Um vídeo de demonstração de produto é como se ele estivesse na vitrine e alguém perguntasse o que ele faz. Para responder a pergunta você leva o produto até o cliente e mostra cada funcionalidade.

Mas o melhor é que ele não precisa sair de casa para isso. E quando ele finalmente for a loja olhar, provavelmente ele já vai estar pronto para a compra. Afinal, já sabe tudo o que o equipamento fez e como pode ser a solução para os problemas dela.

Mas atenção, o vídeo precisa ser claro, objetivo e sem muita puxação de sardinha para o seu lado. O seu público quer uma informação honesta, que retrate o que o produto realmente é.

Prometer mil maravilhas se ele realmente não for pode causar até comentários de usuários frustrados pelo produto não ter cumprido as expectativas prometidas. Esses comentários ruins podem sujar o nome da sua marca para sempre.

9. Vídeo Institucional

Esse já é conhecido da galera, não é? Nos vídeos institucionais nós mostramos a nossa marca para o mundo. É a nossa chance de explicar nossa missão, visão e nossos valores e mostrar um pouquinho da nossa essência.

Geralmente são inseridos trechos do cotidiano da empresa, do produto ou serviço, além de informações que merecem destaque quando se trata do seu negócio.

Esse item é versátil, já que pode ser utilizado nas redes sociais; site da empresa; comercial de TV ou até mesmo em uma reunião de apresentação. Mas agora, com o avanço das tecnologias, você pode sair do tradicional e inovar.

Já pensou em fazer um storytelling? Essa técnica consiste em contar uma história e, para isso, o vídeo pode utilizar diversos recursos audiovisuais disponíveis no mercado. Essa estratégia consegue gerar proximidade entre marca e público, já que é capaz de despertar diversas emoções em quem está assistindo.

Uma outra forma, que está super em alta, e que chama a atenção pela criatividade e interatividade são os motion graphics, um vídeo em animação, que pode ser usado para contar a história da empresa ou explicativo, ensinando como usar um produto ou ferramenta.

Você também pode utilizar o vídeo institucional como uma estratégia de comunicação interna. É uma ótima maneira de manter a sua equipe inteirada do que está acontecendo dentro da empresa. Enfim, são várias possibilidades.  Se bem planejado e executado, esse tipo de conteúdo traz muito engajamento para a sua marca.

Se você ainda não tem um vídeo institucional, trate já de desenvolver um roteiro que evidencie os diferencias da sua empresa e coloque a câmera em ação. Esse é um ótimo jeito de começar a explorar os diversos tipos de vídeos!

10. Teaser

Os teaser estão ganhando mais espaço no mercado e já falamos sobre eles aqui. Mas, se você não os conhece, a gente explica mais uma vez: são aqueles vídeos curtinhos e misteriosos que servem para aguçar a imaginação dos seus clientes.

Eles podem anunciar campanhas, novos sites, produtos ou serviços e a intenção é que ele provoque as pessoas e as deixe interessadas na tal novidade.

Eles podem e devem ser utilizados em suas estratégias e podem gerar resultados incríveis. Por isso, que tal considerá-los nos seus próximos passos?

Se você está para lançar algum produto, uma boa pedida é aguçar a curiosidade do seu público com alguns vídeos chamativos e provocantes. Através deles você pode fazer bastante suspense.

Fale de como o produto pode mudar a vida das pessoas, que ela não perde por esperar por essa novidade e convença ela a ir assistindo os outros vídeos até o lançamento finalmente for revelado.

É fato que os vídeos possuem uma forte capacidade de atração e captação de lead. Por isso, é cada vez mais comum a utilização desse tipo de conteúdo pelas empresas, seja nas redes sociais, ou até mesmo nos e-mails.

A internet e as novas tecnologias trouxeram a democratização e hoje é muito fácil produzir um vídeo barato e eficiente. Mas para que ele tenha efeito, a sua equipe de marketing precisa se planejar e montar uma estratégia para o seu objetivo.

11. Depoimento

Solicitar depoimento dos seus clientes é uma ótima estratégia para poder demonstrar para o seu público que o seu produto funciona e que as pessoas estão gostando de utilizá-lo.

Mas, quando ele é registrado através um vídeo, a credibilidade é ainda maior, já que o público tem a certeza de que é outra pessoa falando. O case de sucesso dele pode inspirar muitas pessoas a quererem solucionar os seus problemas com os seus produtos.

Caso seja para uma campanha interna, você pode convidar um profissional para contar sobre como ele é grato por trabalhar junto com a equipe, quais são os diferenciais da sua empresa para a que ele já havia trabalhado antes, como eles são tratados pelas chefias e etc.

Crie o seu próprio formato!

O mundo audiovisual te dá possibilidades de trabalhar com a criatividade. É o seu momento de usar toda a sua imaginação para explorar o seu negócio, seus produtos e apostar no seu diferencial para promover a sua marca. Por isso, por que não tirar proveito dessa oportunidade e criar o seu próprio formato? Os resultados podem ser incríveis e podem se tornar ótimos cases para o seu negócio!

Como definir o tipo ideal para a sua empresa?

Nós não temos uma resposta certa para essa pergunta. Mas calma, a gente explica: é que cada vídeo vai servir para um objetivo. Por isso, na hora de definir qual deles deve ser escolhido para o seu momento, dele ser levado em conta o seu objetivo, a sua persona e a sua estratégia. Quer lançar um novo produto? O teaser pode ser o indicado. Está pensando na missão, visão e valores? Então é o vídeo institucional…

Viu só? Cada um vai se ajustar a um objetivo. Por isso, pense bem no que você espera e só então escolha qual dos tipos de vídeos vai ser o ideal para a sua empresa.

Mas não se esqueça: são vários tipos de vídeos e cada um deles vai se adaptar a um tipo de estratégia. Por isso, lembre-se das nossas dicas e estude qual deles é o melhor para cada momento do seu negócio. Vale a pena falar que todos eles podem ser utilizados em determinados momentos. Por isso, não se preocupe. Você terá a chance de explorar todo o mundo do audiovisual com o passar do tempo! Veja 9 dicas de planejamento de conteúdo em vídeo, para que você consiga produzir mais conteúdos com facilidade.