Loading Posts...

Será que vídeo institucional e propaganda são a mesma coisa? Entenda de uma vez por todas as diferenças entre esses dois formatos!

Os vídeos são um dos formatos mais importantes para a divulgação de produtos ou serviços e também para o fortalecimento de uma marca. Eles são mais fáceis de consumir, aproximam o público das empresas e são mais engajantes. Tanto é que, até 2020, esse tipo de conteúdo responderá por mais de 80% do tráfego de dados da web.

E existem diversos tipos de vídeos que podem ser utilizados em uma estratégia de construção da marca. E entre eles estão vídeo institucional e propaganda. Mas você conhece a diferença entre esses dois formatos?

É o que veremos no artigo de hoje. Então continue a leitura e descubra como tirar o máximo de proveito desses dois formatos em sua estratégia de vídeo marketing. Vamos lá?

O que é propaganda

Segundo o dicionário de Cambridge, propaganda significa “informações, idéias, opiniões ou imagens, muitas vezes apenas dando uma parte de um argumento, que são transmitidos, publicados ou, de outra forma, propagados com a intenção de influenciar as opiniões das pessoas.”

Logo, o termo consiste em persuadir um determinado público-alvo para levá-lo a tomar uma ação, como por exemplo “beba, compre, adquira, faça”, utilizando-se de verbos no imperativo. É geralmente mais direto, com a função de exaltar determinadas qualidade de um serviço ou produto.

Entre os principais objetivos de uma propagada, estão:

  • Criar uma relação de confiança com o seu público;
  • Fazer com que a sua marca fique mais conhecida;
  • Gerar vendas;
  • Engajar o público, tanto interno como o externo;
  • Otimizar o seu vídeo em SEO e atrair visualizações para o seu site;
  • Conquistar novos clientes;
  • Agregar valor ao nome da sua empresa.

A propaganda defende ideias ou ideologias em um contexto comercial. Ou seja, ela usa a psicologia para induzir pessoas a consumirem algo ou tomarem uma ação . Ou até mesmo para reunir pessoas em torno de alguma causa ou campanha.

E o que é vídeo institucional

Já o vídeo institucional tem a função de mostrar mais sobre a cultura, valores, ideias e práticas de uma empresa. Já faz algum tempo que este tipo de conteúdo é produzido para ser mais transparente em relação aos funcionários, potenciais clientes, investidores e pessoas próximas.

Nele, é possível falar a respeito da própria empresa de diversas formas diferentes, contando uma história. Por exemplo, se uma empresa comercializa produtos sustentáveis, um vídeo institucional sobre a forma como eles são produzidos pode ser bastante interessante. É possível dizer a sua principal razão a partir deste tipo de conteúdo.

Saiba as principais vantagens do vídeo institucional:

  • Procura não reforçar a venda de algum produto;
  • Pode ter um tempo mais longo;
  • Muitas vezes incluir a participação dos próprios funcionários e líderes da empresa;
  • Possui um conteúdo informativo;
  • Pode incluir técnicas de storytelling;
  • Consegue utilizar diversos elementos, desde de trilha sonoras até os motions graphics;
  • Busca passar alguma mensagem.

Ainda é possível apresentar a sua equipe, como ela trabalha, prêmios conquistados ou qualquer outra coisa que valha a pena ser contada. Se vocês acreditam em algo, isso também conta.

A ideia mesmo é fazer algo que tenha tudo a ver como uma marca ou empresa representa de verdade. Em tempos de internet onde é possível descobrir praticamente tudo, ser transparente e verdadeiro faz toda a diferença.

A propaganda em vídeo muda o modo de agir das pessoas

Se acredita que a propaganda em vídeo bem como o vídeo institucional são coisas diferentes, pense novamente, Na verdade, eles andam juntos e um geralmente justifica o outro.

Uma propaganda em vídeo tem um grande poder de persuadir um consumidor já existente ou um potencial consumidor a tomar uma decisão sobre o que você vende ou transmite.

Mas antes de começar a gravar o vídeo, é preciso entender qual o seu objetivo com esse conteúdo. Por exemplo, a intenção pode ser aumentar as vendas da empresa ou apenas reforçar a imagem da marca.

Segundo um estudo realizado pela Teads, a relação do usuário com o que ele está consumindo no momento impacta diretamente sobre o que ela valoriza.

Geralmente este tipo de conteúdo na propaganda é mais apelativo, inclusive mesmo podendo fazer diversas pessoas a mudarem hábitos. Ou passar a consumir um novo tipo de sabão de pó porque ele torna as roupas brancas ainda mais brancas.

No comercial da Pantene, a atriz Marina Ruy Barbosa fala que o produto que ela usa para deixar o seu cabelo mais natural e forte é o shampoo da marca. Logo, se uma pessoa que está assistindo a esse comercial está procurando por outro produto, irá querer usá-lo. Desta forma, seus costumes podem mudar e ela passa a utilizar os produtos da Pantene.

O vídeo institucional muda o modo de pensar das pessoas

Quando um vídeo institucional sobre uma marca é bem feito, isto é, planejado, isso pode trazer bons resultados. Agrega valor à imagem da companhia e podem ser utilizados de diversas maneiras. Dentro da sua própria empresa ou até mesmo para o público externo, por exemplo.

Com isso, o público pode ter outra percepção sobre o seu negócio, enxergando-o de outra maneira. E isso com certeza pode fazer com que as pessoas tenham uma lembrança mais forte de quem você, o que faz e como o faz, trazendo ótimos retornos.

Esse formato de vídeo também é recomendado para marcas que querem melhorar sua imagem ou até mesmo construí-la.

Lembra do cartão de visitas? Então, um vídeo institucional é muito mais eficiente do que o próprio cartão. Por ser mais dinâmico e criativo, permite que a audiência interaja com ele.

Além disso, ele pode ser utilizado não somente nas redes sociais, mas também em apresentações, treinamento de funcionários, reuniões… É bastante versátil e útil! Quer ver um exemplo?

Este vídeo foi produzido pela Coca-Cola de Guararapes. Ele apresenta a mesma ideia que as campanhas publicitárias da marca, a de que os colaboradores abrem a felicidade.

Vídeo institucional e propaganda

Enquanto o vídeo institucional funciona para comunicar determinados valores, a propaganda é bem mais direta, visando influenciar em uma determinada ação.

Conteúdos de vídeos institucionais consistem na apresentação da cultura da uma marca, seus valores presentes do mercado ou até como determinados produtos são produzidos.

Já conteúdos de propaganda permitem um entendimento mais fácil do que está sendo veiculado. É possível produzir vídeos comerciais não só para um produto, mas também para uma organização que precisa de inscrições de voluntário, por exemplos.

Logo, a grande diferença entre vídeo institucional e propaganda é que um ajuda o outro. Isso é, ambos provocam influência, e não existe ordem correta. Um vídeo que fala sobre determinado produto pode ajudá-lo a vendê-lo mais, criando uma imagem mais forte da marca que está por trás.

E o contrário também é verdadeiro. Uma empresa que produz conteúdos em vídeo falando sobre sua imagem pode se destacar no mercado.

Esperamos que você tenha aprendido e saiba explicar a diferença entre vídeo institucional e propaganda e quando utilizar cada um deles. Agora, que tal descobrir 5 motivos para investir em vídeos institucionais? Basta clicar aqui!

Redação VidMonsters

Loucos por marketing e vídeos!