Marcos Pereira
Por Marcos Vinicius

Conheça o Vídeo SEO e alcance o topo do Google com os seus vídeos

Marcos Pereira
Por Marcos Vinicius

Use as técnicas de vídeo SEO para dar um local de destaque no Google para seus conteúdos audiovisuais!

Google é o buscador mais acessado no mundo inteiro. Em 2013, a Mashable revelou que o site recebia mais de 100 bilhões de pesquisas por mês. Com tantos acessos assim, o Google prioriza os conteúdos mais relevantes para o usuário. Pois quanto maior for o número de resultados interessantes que ele entregar, maiores serão os seus acessos.

Os vídeos, por sua vez, saem na vantagem quando comparados com os textos. Segundo a Forresteros conteúdos em vídeo têm 53 vezes mais chances de aparecer na primeira página do buscador.

Algumas técnicas de vídeo SEO podem ajudar no posicionamento dos vídeos nas ferramentas de busca. Você não faz ideia do que isso significa? Então continue lendo para entender o que é e como utilizar. Veja só o que você aprenderá:

O que é vídeo SEO?

SEO (Search Engine Optmization) é um conjunto de técnicas de otimização utilizadas para que um conteúdo seja reconhecido pelos motores de buscas e alcance os primeiros lugares. Se você já produziu para sites e blogs já deve ter se deparado com esse termo em algum momento.

Funciona assim: quando um usuário realiza uma busca em sites como Google ou Bing, ele utiliza uma palavra-chave.

Para entregar as páginas e conteúdos com maior possibilidade de responder à dúvida do usuário, o mecanismo de busca analisa uma série de fatores que demonstram a relevância desse conteúdo.

E o mesmo funciona com os conteúdos audiovisuais.

Podemos definir o vídeo SEO como um conjunto de técnicas de otimização que permitem ranquear melhor vídeos e páginas que contenham vídeos. Assim, esses conteúdos são encontrados com mais facilidade na internet.

Por que o vídeo SEO é tão importante?

Os consumo de vídeos online não para de crescer. Basta abrir o feed de alguma rede social para notar uma enxurrada de conteúdos desse tipo na linha do tempo.

E não demorou para que muitas empresas enxergassem nesse formato uma excelente maneira de se comunicar com o público. Afinal, os vídeos são fáceis de assistir, são didáticos, emocionam e engajam mais do que outros tipos de conteúdo.

Com isso, a quantidade de vídeos disponíveis na internet alcançou patamares nunca imaginados. Então, como fazer com que o vídeo da sua marca se destaque e seja encontrado pelo público-alvo?

A resposta é o vídeo SEO!

Através das otimizações, os mecanismos de busca serão capazes de identificar o tema do seu vídeo e classificá-lo de acordo com a relevância. E, com isso, exibi-lo entre os resultados de busca para o usuário.

Veja só alguns dados que comprovam a importância do vídeo SEO:

  • Resultados com vídeos recebem 41% a mais de cliques do que outros conteúdos, como páginas com somente texto, segundo a Tubular Insights;
  • De acordo com o Marketingland, 62% de todas as buscas realizadas no Google incluem vídeos;
  • Depois de clicar em um resultado de busca, os usuários passam até dois minutos a mais em uma página com vídeo do que em uma com apenas texto, segundo dados do Comscore;
  • Páginas da web podem dobrar o volume de tráfego orgânico apenas exibindo uma thumbnail de vídeo nos resultados de busca, como mostra o IQ Visibility.

Como o Google classifica os vídeos?

Para conseguir entregar o máximo de conteúdos aos usuários, o Google faz uma classificação do que pode ser mais relevante.

Ele vai levar diversos fatores em consideração. Como, por exemplo, se a página onde está o vídeo – ou o próprio vídeo – apresenta a palavra-chave que o usuário pesquisou.

A descrição do conteúdo em vídeo também ajuda na classificação. Ela é o resumo do que está presente naquela produção. Outro ponto importante são as informações que estão no conteúdo do vídeo.

No YouTube, principalmente, é muito comum encontrarmos vídeos com títulos chamados de click bait. O termo diz respeito a títulos sensacionalistas ou falsos que são usados para atrair o usuário.

Depois que o usuário clica e percebe que o conteúdo não tem nada a ver com o que procurava, abandona o vídeo.

Esse tipo de conteúdo tem uma grande taxa de rejeição. Já que engana o público e, por isso, é classificado como um conteúdo irrelevante ou de má qualidade.

Criar um conteúdo e colocar palavras-chave, com um alto volume de busca, em sua descrição ou título, só para atrair a atenção do público é uma prática repudiada pelo YouTube, Google e outros buscadores.

Afinal, as ferramentas de busca não conseguem assistir e entender o conteúdo do seu vídeo. Então, você precisa mostrar para esses serviços o tema do seu vídeo e como ele pode ajudar os internautas.

Qual o impacto do vídeo SEO?

O uso de vídeo tem crescido muito nos últimos anos, diversas pessoas enxergaram nesse meio de comunicação uma forma de enviar sua mensagem e produzir o conteúdo que queriam sem os filtros, sem os padrões e sem as regras impostas pela publicidade.

Enquanto isso, grandes marcas começaram a perceber o potencial desse meio para informar e se comunicar com o cliente.

A popularização de diversas tecnologias, como smartphones e câmeras digitais, fizeram com que ficasse cada vez mais fácil de se produzir e publicar um vídeo na internet.

Tanto que hoje, é praticamente impossível fazer uma busca na web ou acessar um site sem ter algum contato com um vídeo.

O sucesso dos vídeos é tão grande que a Cisco estima que em 2020, 82% de todo o tráfego da internet será gerado por esse tipo de conteúdo. Tanto que há alguns anos o Google incluiu uma aba exclusiva para vídeos em seu portal de buscas, para melhorar a experiência dos usuários.

Porém, essa aba aindanão é tão utilizada quanto a principal. Por isso, para que o conteúdo seja visto pelo máximo de usuários é preciso que ele esteja bem posicionado também na busca universal do Google.

11 técnicas de vídeo SEO

Agora que você já entendeu o que é vídeo SEO e porque ele é tão importante para a sua estratégia, é hora de colocar a mão na massa.

Confira abaixo algumas das técnicas de otimização mais importantes:

1. Pesquisa de palavras-chave

Assim como nos conteúdos em texto, como blogs e sites, as palavras-chave também são importantes para uma estratégia de vídeo SEO.

São elas que indicam para os serviços de busca o tema do seu conteúdo e se eles se encaixam ou não nas pequisas feitas pelos usuários.

Portanto, faça uma pesquisa de quais as palavras-chave mais relevantes para o seu público e mercado e insira no título e na descrição do vídeo. Isso fará com que seu conteúdo tenha mais chance de se destacar em um motor de busca.

No nosso vídeo abaixo, você confere algumas dicas para escolher as palavras-chave mais relevantes para o seu negócio:

2. Crie um canal no YouTube

De acordo com a Searchmetrics, 82% dos vídeos que apareceram na busca universal do Google em 2014 foram hospedados no YouTube.

E faz todo o sentido. Afinal, a maior plataforma de vídeos online pertence ao Google e utiliza algoritmos similares ao motor de buscas.

Sendo assim, não deixe de criar um canal para a sua marca na plataforma de hospedagem e integrá-lo em suas estratégias de Vídeo Marketing.

E claro, não se esqueça de divulgar o seu canal para atrair ainda mais visualizações. Abaixo, demos algumas dicas de divulgação para fazer os seus vídeos bombarem:

3. Invista em legendas e transcrições

A acessibilidade é outro fator de ranqueamento bastante valorizado pelas ferramentas de busca. Ou seja, o seu vídeo precisa ser acessível para pessoas com surdez ou para usuários que não preferem consumir o vídeo sem áudio.

Para você ter uma ideia, por exemplo, 80% dos vídeos postados no Facebook são assistidos sem som.

Sendo assim, insira legendas e transcrições em seus vídeos. Além de deixar o conteúdo acessível para mais pessoas, você ainda permite que os bots do Google e outros buscadores escaneiem o conteúdo e identifiquem o seu tema.

4. Publique os vídeos em seu site ou blog

Como já explicamos, o Google valoriza páginas da web que apresentam pelo menos um vídeo. Sendo assim, não deixe de incluir vídeos nas postagens e páginas do site ou blog da sua marca.

Para isso, basta copiar o código de embed da plataforma onde o conteúdo está hospedado e colá-lo diretamente na plataforma utilizada para editar as postagens do site ou blog.

E aproveite para seguir os princípios básicos de SEO na própria página para turbinar os resultados!

5. Deixe o vídeo no centro das atenções

Para que a estratégia anterior dê certo, é muito importante que o vídeo seja o centro das atenções. Ou seja, não devem existir elementos que tirem o foco dos vídeos na sua página, como imagens e GIFs.

Assim, todo o conteúdo ao redor do vídeo deve ser apenas o complemento. Deixe-o em destaque sempre para garantir o maior número de visualizações e engajamento!

6. Capriche na thumbnail

thumbnail é uma prévia do que contém em seu vídeo e costuma ser determinante para o clique do usuário. Ela funciona como um cartão de visitas e pode atrair ou afastar os espectadores.

Faça uma thumbnail criativa que instigue a curiosidade do público e que mostre o que será apresentado em seu vídeo.

7. Crie títulos e descrições engajantes

Os títulos e as descrições dos vídeos devem ser convincentes para estimular os cliques e terem coerência com o conteúdo. Além disso, precisam ser objetivas e resumir o tema do conteúdo, de modo que os algoritmos de busca entendam.

É importante também trabalhar com títulos de até 55 caracteres, para que não sejam cortados em telas pequenas e ter uma meta-descrição de, em média, 155 caracteres.

A descrição e o título, além de mostrar em detalhes qual o objetivo do vídeo, também são exibidos quando o conteúdo é compartilhado em redes sociais, critérios importantes para o vídeo SEO.

8. Tenha um site responsivo

Desde 2015, o Google está favorecendo a entrega de sites que sejam mobile friendly, ou seja, que possam ser visualizados corretamente em dispositivos móveis.

Isso porque, segundo a pesquisa Video Viewers 2017, da Provokers para o Google, 84% dos brasileiros usam smartphones para assistir vídeos online.

Sendo assim, garanta que o conteúdo das suas páginas esteja adaptado para dispositivos móveis e garanta um lugar no topo das buscas.

9. Troque backlinks com parceiros relevantes

backlink é quando um outro site menciona seu conteúdo.

Essa estratégia faz com que você consiga gerar novos caminhos de acesso para o seu conteúdo por meio de outros canais. E, dessa maneira, atinge um número maior de pessoas e melhorando seu posicionamento.

Além disso, quanto maior o número de outros sites e canais compartilhando os conteúdos da sua marca, maior será a autoridade dela aos olhos dos algoritmos de busca. E, com isso, os conteúdos da sua empresa serão interpretados como mais relevantes.

10. Estimule o engajamento

Parecido com a dica anterior, outro fator que impacta positivamente no vídeo SEO é o número de interações dos usuários, como comentários, curtidas e compartilhamentos.

Quanto maior o engajamento de um conteúdo, mais interessante e relevante ele é e, portanto, melhores serão suas colocações nas pesquisas.

Sendo assim, permita que o público compartilhe os seus conteúdos e utilize CTAs falados estimulando comentários e curtidas.

Dessa maneria, o engajamento e alcance do vídeo será muito maior do que se estivesse apenas em sua página.

11. Produza conteúdos evergreen

Evergreen significa, em tradução livre, “sempre verde”. Em termos de marketing seria algo como um conteúdo que nunca envelhece, que está sempre atual.

Diferentemente de um conteúdo noticioso que precisa ser atual, recente e ter informações “frescas” sobre ele.

Esse tipo de conteúdo é importante, já que se mantém relevante através dos tempos e ajuda uma maior quantidade de usuários a encontrarem a sua marca nas buscas.

No vídeo abaixo, mostramos como você pode produzir vídeos evergreen com facilidade:

Conclusão

Para se destacar entre os concorrentes e fazer os seus conteúdos alcançarem boas posições nos resultados de busca e serem encontrados pelos usuários, é importante apostar em vídeo SEO.

E bastam algumas técnicas simples, como inserir palavras-chave, criar uma thumbnail atraente, investir em descrições relevantes e usar apostar em um canal do YouTube.

E falando em YouTube, você sabia que existem técnicas de otimização específicas para a plataforma? Descubra as principais dicas de SEO para o YouTube e fique no topo da maior plataforma de vídeos online.