VidMonsters
Por VidMonsters

Vídeos de produtos: um conteúdo que pode te ajudar a vender mais

VidMonsters
Por VidMonsters

Os vídeos de produtos se tornaram um dos formatos preferidos das empresas, principalmente devido à riqueza de informações que podem transmitir. Muitos negócios já investem nesse formato de conteúdo para mostrar aos clientes de maneira mais atrativa e dinâmica como funcionam seus produtos ofertados.

Diante desse formato de conteúdo, não tenha dúvidas em relação à sua eficácia.

É necessário compreender que vídeos, no geral, são uma ferramenta poderosa nas empresas. E a comprovação disso está no Facebook, YouTube, e até mesmo no Instagram. Plataformas que possuem vídeos publicados diariamente e que têm números de visualizações surpreendentes, reforçam ainda mais a necessidade de produzir vídeos de produtos.

Investir nesse formato de vídeo na sua estratégia de video marketing é, com certeza, um dos melhores caminhos para aumentar suas vendas.

No artigo de hoje vamos te ajudar a entender mais sobre esse formato e como eles podem ajudar a trazer mais lucro para sua empresa.

O que são vídeos de produtos?

Esse formato de vídeo é um tipo de conteúdo audiovisual que pretende demonstrar as qualidades dos seus produtos, com eficácia.

Além disso, são apresentadas todas as características, bem como seu funcionamento e possibilidades de uso.Veja um ótimo exemplo de vídeo de produto, realizado pela Polishop:

No vídeo acima, a batedeira à venda é demonstrada de diversas maneiras. Suas funcionalidades e opções de usabilidade foram apresentadas de uma forma bem atrativa.

Basta que você se coloque no lugar de seu consumidor: se estivesse pensando em comprar uma batedeira e assistisse o vídeo, com certeza ficaria interessado, não é mesmo?

Com vídeos de produtos algumas questões são esclarecidas, como saber de qual maneira um produto funciona, onde é encontrado e quais são as vantagens da utilização dele. Através dos vídeos, essas respostas criam interesses bem maiores das pessoas, tornando o seu produto mais fácil de ser vendido.

Quanto à produção desse formato, a maioria dos vídeos de produtos têm valor educacional. Eles podem ser constituídos de animações 2D e 3D, em formato de design gráfico animado ou com atuação de atores e pessoas envolvidas na empresa.

Vale a pena lembrar que esses vídeos não podem ser muito extensos. Cerca de 3 em 5 consumidores gastam ao menos 2 minutos com vídeos de produtos que estão interessados em comprar. Portanto, se sua intenção é converter mais, aposte em um vídeo curto.

Por que devo fazer vídeos de produtos na minha empresa?

Vídeos de produtos são uma alternativa de buscar o crescimento das vendas. Além de ser um modo de apresentar o produto, são altamente explicativos, facilitando o entendimento do mesmo.

E quando falamos de vídeos de produto, não significa apenas produtos físicos. É possível inovar e criar esses conteúdos, independente do que a sua empresa oferece. O Catarse, por exemplo, tem como produto uma plataforma de financiamento coletivo do Brasil.  Por isso, eles produziram um vídeo super dinâmico explicando como funciona o financiamento e a plataforma:

Basicamente, os vídeos de produtos auxiliam em diversos âmbitos dos negócios. Veja as vantagens de investir nesse tipo de conteúdo:

Sucesso nas plataformas online

As plataformas online são suas maiores aliadas, ao produzir vídeos de produtos. Elas servem para principalmente, interagir com as pessoas, e consequentemente, alcançar novos interessados no seu negócio. Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn, por exemplo, são plataformas sociais online.

Para alcançar o sucesso nessas plataformas, a empresa não apenas deve produzir um vídeo de produto. Mas também, divulgá-lo da maneira correta. Por exemplo: se seu negócio faz um vídeo e publica apenas em um canal midiático, o número de visualizações será bem menor do que se usasse as demais plataformas online.

Além disso, se o seu negócio for virtual, saiba que os vídeos nesse formato em sua página aumentam consideravelmente as visitas no seu site. Enquanto 20% dos visitantes leem o conteúdo em texto, os 80% restantes preferem conteúdo em vídeo. Isso significa bons resultados em todas as esferas online.

E mais: os vídeos de produtos atraem a atenção das pessoas não só nas redes sociais e sites. Seu sucesso também está nas campanhas de e-mail marketing. Inclusive, se no assunto aparecer a palavra “vídeo”, as aberturas do e-mail podem crescer em até 13%.

Suporte ao time de vendas

O time de vendas da sua empresa, sem dúvidas, enfrenta alguns obstáculos durante o momento de negociar com os clientes e quase sempre surgem dúvidas acerca do que é ofertado. Além disso, é possível que, o que a sua empresa oferece é algo intangível, como por exemplo: um cerimonial de formaturas, seguro de vida ou empresas de segurança.

Então, é possível que a negociação dure muito tempo e até mesmo não chegue em lugar algum. Por isso, ter em mãos um material audiovisual faz com que o seu time de vendas esteja amparado. Serve como um extra no momento da venda, que possibilitam melhor compreensão dos produtos para seus possíveis clientes.

Quebra o gelo

Na maioria das vezes, em um conteúdo textual é difícil transmitir o carisma e as intenções que a empresa tem a oferecer. Dessa forma, a impressão pode ser passada de maneira errada.

Mas no conteúdo audiovisual é diferente. Nada melhor do que ter uma boa interação entre seu produto/empresa. Os vídeos trazem uma sensação de proximidade e familiaridade aos seus consumidores. Tudo de uma forma única, bem a cara da sua empresa.

Dicas para um bom vídeo de produto

1. Clareza

A clareza de informação é um dos diferenciais que seu negócio pode ter diante dos demais vídeos de produtos semelhantes e concorrentes. Você deve apresentar um vídeo onde seu espectador tenha suas dúvidas sanadas de maneira clara e simples. Isso satisfará o espectador, tornando-o um possível comprador.

A organização do que é falado no vídeo também é de suma importância. Ou seja, você deve seguir uma linha cronológica do que será apresentado. Dessa forma, evita qualquer tipo de incômodo nas pessoas que assistirão o conteúdo.

Lembre-se que ninguém deseja assistir um vídeo confuso e com informações soltas sem uma linha de raciocínio. Isso só fará com que os espectadores tenham desinteresse no seu trabalho. E assim, não gera uma boa reputação para o seu produto e empresa.

Comerciais de TV duram em média 30 segundos e são bem atrativos e objetivos, não é mesmo? Então, não existem razões para que seu vídeo de produtos seja enorme e cheio de enrolação. Vídeos longos geram cansaço em seus espectadores o que pode desviar a atenção do vídeo para outras coisas.

2. Qualidade no conteúdo

Uma boa produção faz toda a diferença! Independente do tipo de vídeo, passar a impressão de amadorismo no que você gostaria de mostrar, gera nas pessoas um sentimento de insegurança sobre o seu produto. Por isso não deixe de investir na boa qualidade do seu vídeo, mesmo que gaste um pouco mais de tempo.

3. Seja sincero

Ao apresentar as capacidades do seu produto, não esconda suas limitações. Você deve ser honesto para assim, garantir a satisfação dos clientes através da demonstração do que o produto realmente é. Ao contrário, a reputação da sua empresa ficaria comprometida e consequentemente, diminuiria drasticamente as vendas.

Tenha bom humor e tente levar seu produto para a realidade do consumidor. Isso fará com que o espectador sinta empatia e possa aceitar com mais facilidade sua oferta.

Diante de todas as vantagens e dicas sobre como os vídeos demonstrativos podem te ajudar a vender mais, não tem como dizer que vai ficar de fora, não é? Clique aqui e leia aprenda como usar vídeos na estratégia comercial e vender mais.